joão paulo robortella

Machismo motivou absolvição de pai que espancou a filha, diz promotor

Apelação questiona decisão do juiz Leandro Cano, que absolveu pai que agrediu filha de 13 anos com fio elétrico após descobrir que ela não era mais virgem