habas corpus

STF manda goleiro Bruno de volta à prisão

Decisão é da 1ª turma do Supremo Tribunal FederalJogador foi condenado a 22 anos por assassinato