featured imagem

Dez reais e a valorização do salário mínimo no Brasil

Dez reais e a valorização do salário mínimo no Brasil

Na França dos anos 50, as campanhas eleitorais foram marcadas pela discussão sobre a pobreza da classe trabalhadora, da existência de “duas Franças”, de um lado uma França moderna, fruto do esforço de
A igualdade de gênero é boa para o desenvolvimento econômico, por que ela não é uma prioridade?

A igualdade de gênero é boa para o desenvolvimento econômico, por que ela não é uma prioridade?

A violência contra as mulheres não acontece por acaso. Quanto maior a desigualdade de gênero, mais graves são os níveis de violência contra as mulheres. O inverso também é verdadeiro: quanto maior a
A igualdade de gênero é boa para a segurança e o desenvolvimento econômico. Então, por que ela não é uma prioridade?

A igualdade de gênero é boa para a segurança e o desenvolvimento econômico. Então, por que ela não é uma prioridade?

A violência contra as mulheres não acontece por acaso. Quanto maior a desigualdade de gênero, mais graves são os níveis de violência contra as mulheres. O inverso também é verdadeiro: quanto maior a

Avançamos e levamos porrada ao mesmo tempo

LE MONDE DIPLOMATIQUE BRASIL – O cotidiano LGBT vem melhorando no Brasil nos últimos anos? KLECIUS BORGES– A grande mudança das últimas duas décadas foi o aumento da visibilidade do que a gente chama
Maioridade penal: mitos e fatos

Maioridade penal: mitos e fatos

Mais uma vez a sociedade brasileira é bombardeada por uma campanha pelo retrocesso na legislação e nas políticas públicas relativas à responsabilização de adolescentes infratores. Desde a entrada em

“Redução da maioridade vai gerar mais crimes e violência”

O Estado estará tirando adolescentes das unidades de internação, onde hoje eles são atendidos por educadores, psicólogos, assistentes sociais, para colocá-los em masmorras medievais, que são os
O adeus às armas?

O adeus às armas?

Os três movimentos armados em luta contra os Estados britânico, espanhol e francês sobreviveram várias décadas a mais que outras organizações clandestinas que emanavam de nações sem Estado, na

Vidas matáveis, morte em vida e morte de fato

Treze de agosto de 2015, 23h09, município de Barueri, região metropolitana de São Paulo. Três homens encapuzados chegam em um carro prata. Com armas em punho, rendem os clientes de um bar – cerca de