Primeira depilação: as meninas mais legais da internet contam tudo!

Facebook
VKontakte
share_fav

Uma das “primeiras vezes” mais marcantes na vida de uma menina é a primeira depilação. Normalmente, ela acontece entre os 11 e 14 anos e a decisão pode ser tomada por diferentes motivos – aquela viagem à praia com a galera da escola, um convite para uma festa incrível ou simplesmente porque você está se sentindo mais incomodada com a presença dos pelinhos.

Se esse dia finalmente chegou, fique tranquila: algumas das meninas mais legais da internet, a Jéssica Lopes, a Evelyn Regly e a Maisa, compartilharam com a gente suas histórias de primeira depilação e comprovaram que ela não precisa ser sinônimo de dor. Muito pelo contrário, esse momento tem tudo para ser uma experiência bem legal e algo de que você se lembrará com carinho pelo resto da vida!

Escorregões iniciais e a importância das migas

A Jéssica, por exemplo, sempre quis se depilar: “Quando eu tinha uns 10 anos de idade, peguei uma lâmina escondida no banheiro de casa e raspei a perna durante o banho. O resultado não foi lá aquelas coisas, pois não fiz direito e fiquei cheia de falhas!”, revela.

Depois dessa ~brincadeirinha~, a depilação real-oficial da Jé só foi rolar quando ela tinha uns 12 anos. Ela contou que começou pelas axilas e, depois, passou para as pernas. E desde o começo elegeu a lâmina como método. “Gosto de usá-la porque vejo a depilação como um momento só meu e, com ela, posso fazer tudo sozinha. Sem falar na questão da dor – que era o meu maior medo –, mas com a lâmina simplesmente não existe incômodo!”, disse.

Já a Maisa revelou que o apoio das bffs foi superimportante na época: “Eu e minhas amigas compartilhamos as experiências da primeira depilação, fizemos na mesma época. Passamos juntas pela puberdade, primeira menstruação, primeira vez fazendo a sobrancelha. Foi muito bom poder contar com elas nessa fase!”

Com a Evelyn aconteceu a mesma coisa. Ela contou que a sua estreia na depilação rolou na casa de uma amiga, enquanto elas estavam se arrumando para uma festa. Algumas meninas já eram mais experientes e, por isso, ajudaram as outras. “Lembro que, logo depois, me senti muito bem! Sempre fui vaidosa e aquilo fez eu gostar ainda mais de me cuidar”, relembrou.

Gillette Venus: a queridinha da galera

O mais legal é que as três escolheram a lâmina para as suas primeiras depilações e seguem usando o método até hoje. A Jé, por exemplo, gosta porque ela permite que você faça tudo sozinha, na hora que bem entender, além de ser mais econômico. Já a Evelyn destaca a praticidade, enquanto a Maisa prefere a lâmina porque é simples e não precisa “marcar hora”.

Para as meninas, o que melhorou ainda mais a relação delas com a depilação foi a descoberta da Gillette Venus. A Maisa, mais sortuda, foi apresentada à marca desde a primeira vez que decidiu eliminar os pelos: “A minha mãe chegou com o conselho pronto e me deu a opção mais indolor de depilação que é Gillette Venus, que me acompanha desde aquela época”, conta.

A Jéssica descobriu pesquisando na internet e também foi amor à primeira vista! “Na época, viajava muito a trabalho e a Gillette Venus me salvou. Era só colocar na mala e eu estava preparada. Não precisava nem me preocupar em levar espuma, creme, sabonete… O fato de ela ser ‘2 em 1’ e pensada especialmente para o corpo da mulher foram as coisas que mais me encantaram”, confessa.

E a Evelyn, que leva a Gillette Venus na bolsa pra todos os lugares que vai, dá o conselho: “Se minha primeira depilação fosse hoje, com certeza seria com Gillette Venus. Ela #FazTodaADiferença, de verdade!”

Ou seja, quando tudo é feito com o método que você mais se identifica e no momento em que você sentir que é o certo, com certeza a depilação será um sucesso! “Tente não encarar como um monstro de 7 cabeças. É uma coisa que vai te acompanhar para o resto da sua vida, mas não é obrigatório, só se depila quem quer e está tudo ok!”, finaliza Maisinha.

E aí, preparada?

ver CAPRICHO - Beleza
#maisa silva
#depilação
#beleza
#gillette venus
#evelyn regly