Há 12 anos de jejum, São Paulo inicia Paulista com time alternativo

Facebook
VKontakte
share_fav

Com pouco tempo para trabalhar, Dorival Júnior armou um time alternativo para a estreia do São Paulo no Paulistão (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Às 19h30 (de Brasília) desta quarta-feira, o São Paulo iniciará sua trajetória no Campeonato Paulista de 2018, torneio do qual não é campeão desde 2005. Com os considerados titulares preservados para este primeiro compromisso da temporada, o técnico Dorival Júnior mandará a campo um time repleto de garotos para enfrentar o São Bento, em Sorocaba.

Na segunda rodada, contra o Novorizontino, sábado, no Morumbi, outra formação deverá ser utilizada. O rodízio implantado pelo treinador foi a solução encontrada para o curto período de preparação nesta pré-temporada, que começou em 3 de janeiro.

Dos prováveis 11 titulares, seis são oriundos das categorias de base do clube: o zagueiro Rony, os volantes Pedro, Paulo Henrique e Araruna, o meia e lateral esquerdo Júnior Tavares e o atacante Bissoli. O único jogador que terminou 2017 e começará 2018 como titular do São Paulo será o goleiro Sidão.

Reforços contratados para este ano, o goleiro Jean, o meia-atacante Diego Souza e o zagueiro Anderson Martins terão de esperar mais um pouco para estrear. O primeiro ficará no banco, enquanto os dois últimos não foram inscritos a tempo de participarem da primeira rodada do Paulista.

Apesar das saídas de Hernanes e Lucas Pratto, Dorival Júnior garante uma equipe competitiva e projeta um torneio sem favoritos. “Tenho certeza de que teremos uma equipe muito forte. É um campeonato aberto, não se surpreendam com o interior”, alertou.

No São Bento, que vem de um acesso à Série B do Campeonato Brasileiro, a expectativa é de fazer valer o maior período de treinos para surpreender o adversário da capital. O nome mais conhecido da equipe de Sorocaba é o do lateral esquerdo Marcelo Cordeiro, de 36 anos, que acumula passagens por Vitória, Internacional, Botafogo, Portuguesa e Sport.

“O São Paulo é um grande adversário, uma equipe em reformulação. Apesar de termos mais tempo de preparação, sabemos que será um jogo difícil, mas temos como obrigação fazer uma grande atuação na estreia e pontuar dentro de casa”, afirmou o veterano à Gazeta Esportiva.

O Tricolor amarga um jejum de 12 anos sem conquistar o Estadual. Em 2005, sob o comando de Emerson Leão, o time conquistou o torneio então disputado no formato de pontos corridos. O Azulão de Sorocaba, por sua vez, fez sua melhor campanha na edição de 1963, quando terminou em quarto lugar.

Dono de 21 títulos do Paulistão, o São Paulo compõe o Grupo B, junto com Ponte Preta, Santo André e São Caetano. Já o São Bento integra o Grupo C, ao lado de Palmeiras, Novorizontino e Ferroviária. Na primeira fase, não há confrontos entre times da mesma chave. Ao final das 12 rodadas, os dois melhores de cada grupo avançam às quartas de final.

FICHA TÉCNICA
SÃO BENTO X SÃO PAULO

Local: Estádio Municipal Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP)
Data: 17 de janeiro de 2018, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza
Assistentes: Danilo Simon Manis e Herman Brumel Vani

SÃO BENTO: Rodrigo Viana; Regis, Luizao, Joao Paulo e Marcelo Cordeiro; Diego Felipe, Fabio Bahia e Maicon; Lucas Crispim, Leo Itaperuna e Anderson Cavalo
Técnico: Paulo Roberto Santos

SÃO PAULO: Sidão; Bruno, Rony, Aderllan e Reinaldo; Pedro, Paulo Henrique e Araruna; Júnior Tavares, Maicosuel e Bissoli
Técnico: Dorival Júnior

* Especial para a Gazeta Esportiva

O post Há 12 anos de jejum, São Paulo inicia Paulista com time alternativo apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

ver Gazeta Esportiva
#dorival
#são bento
#são paulo
#campeonato paulista