Algar Venture realiza o seu primeiro investimento no agronegócio

Facebook
VKontakte
share_fav

São Paulo – A Algar Ventures, segmento de corporate venture do grupo de telecomunicações mineiro Algar, acaba de investir na Sensix, startup voltada para o agronegócio.

Embora o valor do aporte não tenha sido divulgado, a Algar passou a ter 20% das ações da Sensix, empresa fundada em Uberlândia em 2016. A startup participou do programa de aceleração Algar Ventures Open. Em parceria com a Endeavor, a iniciativa apoiou nos últimos seis meses 15 empresas com alto potencial de crescimento com mentorias, parcerias e outros agentes de inovação. A companhia planeja escolher duas empresas para investir,

A Sensix oferece serviços de análise e mapeamento feito por drones, além de um sistema online disponível para o produtor fazer suas próprias análises comparativas. As aeronaves são fabricadas pela própria empresa e têm um custo de até 30% abaixo do mercado.

Desde sua fundação, a startup já sobrevoou um total de 80 000 hectares. “A meta é atingirmos os 500 000 hectares até o fim de 2018 e 1,5 milhão em 2019”, diz Clau Sganzerla, vice-presidente de Estratégia e Inovação do grupo Algar. “Selecionamos a Sensix não só por acreditar muito na tecnologia objetiva e intuitiva que a empresa oferece, mas também pelo seu modelo de negócios facilmente escalonável, dinâmico e que requer baixo investimento”.

Mais do que um retorno financeiro, a estratégia da Algar é poder utilizar internamente na companhia as inovações criadas por startups investidas. “A expectativa é que as startups tenham uma ligação com as atividades das empresas do grupo – seja com uma parceira comercial e operacional, seja na expansão do grupo como um todo”, diz Sganzerla.


Arquivado em:NEGÓCIOS
ver EXAME
#startups
#drones
#endeavor
#algar
#agronegócio
#venture capital