Juiz suspende ato de Temer que libera iniciativa privada a explorar área da Amazônia

Facebook
VKontakte
share_fav

Um juiz do Distrito Federal suspendeu a validade do decreto do presidente Michel Temer que extinguiu a Reserva Nacional do Cobre e Associados (Renca), localizada entre os Estados do Amapá e do Pará, no Norte do Brasil. Em decisão liminar assinada na terça-feira, o juiz Rolando Valcir Spanholo, da 21ª Vara Federal, entendeu que um simples ato administrativo do presidente não é capaz de acabar com uma reserva mineral. A área tem 46.450 hectares, é maior do que toda a Dinamarca.

ver El País
#amapá
#reservas naturais
#governo
#presidência brasil
#governo brasil
#espaços naturais
#meio ambiente