Reforma impõe mais empecilhos para trabalhadores entrarem na Justiça

Facebook
VKontakte
share_fav

A reforma trabalhista aprovada na quarta-feira na Câmara dos Deputados criou regras que podem dificultar o caminho de quem pretende entrar com alguma ação trabalhista na Justiça e o tornou mais custoso. O texto, que ainda será encaminhado para o Senado, prevê, por exemplo, que quem ingressar com uma ação reclamando de danos que a empresa lhe causou terá de pagar por isso. Tomando o caso hipotético de alguém que alegue uma doença contraída em ambiente de trabalho. Ele será responsabilizado pelo pagamento dos honorários dos peritos caso perca o processo. Hoje, o trabalhador não arcaria com custos, mesmo que a alegada doença não fosse comprovada. A conta é paga pelo Judiciário. Agora, o benefício da Justiça gratuita passará a ser concedido apenas aos que comprovarem insuficiência de recursos. Antes era necessário apenas assinar uma declaração.

ver El País
#códigos legais
#regulamento jurídico
#consolidação leis trabalho
#legislação brasileira