“Não roubei ‘Os Girassóis’ de Van Gogh porque não cabiam na sacola”

Facebook
VKontakte
share_fav

“Roubei porque pude, e só não roubei Os Girassóis de Van Gogh porque não cabiam na sacola.” Octave Durham, vulgo Okkie, de 44 anos, o ladrão que em 2002 subtraiu dois quadros menores que estavam expostos no museu que reúne a obra de Vincent van Gogh em Amsterdã, demorou a confessar. Mas sua admissão, quando veio, mais parece um discurso sobre a pulsão maior de uma atividade que deseja abandonar para sempre. É o que ele diz num documentário do programa Brandpunt, da televisão pública holandesa, que coincide com a volta à sala e exposições das telas que ele conseguiu carregar: Vista do mar a partir de Scheveningen e Paroquianos saindo da igreja calvinista de Nuenen. Ambas acabaram nas mãos da Camorra, que acumula obras de arte para seus pagamentos internos, e no ano passado foram recuperadas pelo polícia tributária italiana. Foi no decorrer de uma operação contra o tráfico internacional de cocaína, e estavam escondidas numa casa em Pompeia. Nesta terça-feira, foram devolvidas ao museu holandês.

ver El País
#europa ocidental
#artes plásticas
#amsterdã
#países baixos
#pintura
#vincent van gogh
#quadros
#roubos
#arte