Vacina terapêutica controla o HIV sem o uso de antivirais

Facebook
VKontakte
share_fav

Os cientistas provaram que a combinação de uma vacina terapêutica com um fármaco que faz aflorar o vírus escondido permite a um grupo de pacientes controlar o HIV sem a necessidade de tomarem a medicação antiviral. No teste clínico, os médicos suspenderam o tratamento antirretroviral de um grupo de 13 pacientes e lhes administraram a vacina terapêutica e o fármaco despertador. Os resultados mostraram que cinco deles foram capazes de controlar o vírus durante mais de quatro semanas, o tempo máximo em que, de acordo com a literatura científica, o vírus demora a ressurgir no organismo quando a medicação antiviral é suspensa. O teste clínico continua em andamento e, mesmo que o vírus não tenha desaparecido de seu corpo – e, portanto, não se pode dizer que estejam curados –, os pacientes estão de cinco a 27 semanas controlando o HIV sem tomar a medicação.

ver El País
#doenças
#medicina
#investigação científica
#epidemia
#hiv aids
#ets
#centros investigação
#doenças infecciosas
#medicina preventiva
#vacina hiv
#bonaventura clotet
#irsicaixa
#institutos investigação