Mulheres quebram estereótipos e recriam desfile de lingerie da Victoria’s Secret

Facebook
VKontakte
share_fav

Reprodução Mulheres fora dos padrões recriam desfile de lingerie da Victoria’s Secret

Quando acontece o desfile anual de lingerie da Victoria’s Secret, mulheres brincam com o fato de terem a própria autoestima destruída. No evento, as chamadas Angels, modelos perfeitas e angelicais, desfilam para lá e para cá com as peças mais incríveis e desejadas do mundo, como se tivessem nascido para este trabalho. Barrigas chapadas, bumbum empinado, zero celulite, nenhuma estria para contar história… São mulheres que realmente parecem ter caído do céu, distantes daquilo que vemos refletido no espelho todos os dias.

É um soco no estômago de verdade, né, gente? Fica muito difícil não se comparar àquelas modelos e se perguntar por que é que não poderíamos ter a mesma sensualidade perfeita como a vista em passarela. Para quebrar esse ciclo vicioso de culpa e insegurança, um grupo de mulheres nos Estados Unidos, em parceria com o BuzzFeed, resolveu recriar esse desfile clássico da Victoria’s Secret com modelos reais, diferentes entre si, com quem poderíamos facilmente nos identificar.

Elas são realmente gente como a gente. No vídeo oficial do desfile, uma modelo desabafa e conta que, às vezes, não consegue aceitar o corpo que tem, desejando ser outra pessoa. Outra mulher relata o mesmo, afirmando que o problema com a própria imagem vem de alguns anos já. Mesmo assim, elas se despiram de todas as inseguranças, escolheram lingeries poderosíssimas e foram desfilar como se fossem as próprias Angels da marca de lingerie. Apenas as melhores pessoas!

Veja o resultado lindo dessa iniciativa no vídeo abaixo:

ver Virgula
#corpo
#moda e beleza
#lingerie
#modelos
#diversidade
#empoderamento