Dome: aprenda a usar o acessório que cria ‘efeito aquário’ em fotos

Facebook
VKontakte
share_fav

Um fotógrafo carioca tem feito sucesso na Internet com suas fotos com “efeito aquário”. Bruno Bezerra revelou o segredo para o TechTudo: as imagens metade dentro e metade fora d’água são capturadas com o auxílio de um acessório chamado “Dome”. Saiba como o aparelho funciona e confira dicas para fazer fotos incríveis dadas pelo próprio fotógrafo. Polaroid Cube, rival da GoPro, ganha versão ‘turbinada’ com Wi-Fi Confira o segredo para capturar imagens com o "efeito aquário" (Foto: Divulgação/Bbezerra84) O que é um Dome? Dome é um aparelho de superfície arredondada que corrige as distorções da lente e facilita o foco em fotos submersas. Ele funciona acoplado à uma câmera GoPro e cria o esperado “efeito aquário”, afastando a linha d’água da lente da câmera. Isso permite capturar, em um mesmo clique, o que acontece embaixo e em cima d’água. Técnica permite fotografar o que acontece embaixo e em cima d’água (Foto: Divulgação/Bbezerra84) Bruno, que faz sucesso na Internet com suas fotos, conversou com o TechTudo. Ele disse que conheceu o dispositivo em outubro de 2014, e que, agora, tem recebido diversas propostas para ensaios usando a técnica. "Conheci o Dome em uma das minhas buscas e leituras na internet por novidade. Já conhecia este efeito utilizando cameras DSLR, foi a primeira vez que vi utilizando uma GoPro", conta. E essa fórmula está dando muito certo. O fotógrafo ganhou quase 30 mil seguidores no Instagram depois que começou a fotografar com o dome "O meu Instagram cresceu de 3k seguidores (em janeiro) para 30k agora. No meu perfil tem o meu e-mail para contato para o ensaios e fotos. Já fiz alguns trabalho com esse estilo e agora tenho recebido cada vez mais propostas", comenta. O sucesso é tanto que ele já fez ensaios com Gabriel Medina e a seleção brasileira de nado sincronizado. bruno fotografou Gabriel Medina e a seleção brasileira de nado sincronizado (Foto: Divulgação/Bbezerra84) Ajudinha para a foto "perfeita" Se animou com as fotos com "efeito aquário"? Bruno dá algumas dicas para quem quer entrar nesse estilo. "O ideal é fotografar em águas transparentes e de preferência calmas", enfatiza. Já para utilizar o equipamento, não há mistério e também não é preciso ser um fotógrafo profissional. Em alguns modelos do dome, basta acoplar a câmera e usá-la normalmente e, em outros, é preciso usar o controle remoto ou a função de temporizador do seu dispositivo. Qual a melhor câmera digital semi-profissional/superzoom/compacta? Opine no Fórum do TechTudo. Onde comprar um Dome? O produto ainda é pouco conhecido, mesmo no exterior, e não é oferecido uma grande variedade de fabricantes. Entre as conhecidas, estão a Knekt e a SPL, e existem modelos com lentes específicas para diferentes tipos de onda. Enquanto as lentes de 120 e 140 milímetros são ideais para ondas médias, as de 160 mm são melhores para as grandes. Já as lentes de 90 mm são indicadas para todos os tipos. Modelo de Dome da Knekt (Foto: Divulgação/Knekt) Como ainda não entrou com tudo no mercado, infelizmente a tecnologia ainda é cara e de difícil acesso. Os preços do acessório variam entre aproximadamente U$ 200 (cerca de R$ 616,92) e U$ 700 (cerca de R$ 2.159,22), dependendo das especificações da lente. O aparelho ainda não é vendido em lojas no Brasil, e o caminho mais fácil para conseguir um por aqui é encomendando na Internet. saiba mais Concorrentes 'baratinhas' da GoPro podem ser boa opção Comprar uma câmera ou tirar fotos com celular? Descubra o que é melhor Conheça as diferenças entre os principais tipos de câmeras

ver TechTudo