Parceira 'congelada' obriga Conmebol a usar fundo para honrar premiações

Facebook
VKontakte
share_fav

A Conmebol vive dias sombrios financeiramente desde que a empresa Datisa teve suas contas congeladas pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos. A empresa que detinha os direitos sobre a Copa América está no centro da investigação por pagamento de suborno a autoridades da entidade sul-americana. Ainda assim, o tesoureiro da Conmebol, Carlos Chávez, garante que as premiações serão pagas normalmente ao final do torneio continental.

ver Gazeta Esportiva - Seleção brasileira