Comprar uma câmera ou tirar fotos com celular? Descubra o que é melhor

Facebook
VKontakte
share_fav

A cada nova geração os smartphones ganham câmeras mais poderosas e com mais funções. Alguns aparelhos, como o iPhone 6 , G4 e muitos modelos da linha Lumia, da Microsoft , contam com lentes bem potentes e até configurações manuais. Nesse cenário, será que vale a pena investir em uma câmera dedicada, como as DSLRs e as câmeras de ação, como a famosa GoPro? Vamos analisar alguns aspectos e encontrar a resposta à essa pergunta. Conheça as diferenças entre os principais tipos de câmeras Portabilidade e facilidade de uso iPhone 6 possui iOS 8 e vem equipado com uma câmera de 8 megapixels (Foto: Lucas Medes/TechTudo) Se você procura uma câmera que lhe proporcione maior portabilidade, praticidade e facilidade no manuseio, comprar um celular pode ser a opção ideal. Os aparelhos, por maiores que sejam, cabem facilmente no bolso da calça e em qualquer bolsa. Assim, se quiser tirar uma foto rápida, é só sacar o celular, apontar a câmera e capturar o momento. Na medida em que eles são extremamente portáteis, os celulares também são muito fáceis de operar. As câmeras de basicamente todos os smartphones top de linha já vêm com configurações padrão que garantem boas imagens. Além disso, é muito mais fácil alterar determinados parâmetros, tais como ISO, velocidade de abertura do obturador, exposição, dentre outros recursos. Portanto, para aqueles que querem praticidade e facilidade, a compra de um bom smartphone é mais adequada. Compartilhamento nas redes sociais O celular é a melhor opção quando o assunto é postagem em redes sociais (Foto: Luciana Maline/TechTudo) Neste quesito, os celulares também ganham de lavada das câmeras tradicionais. Como um aparelho multitarefa e que aceita diversos aplicativos, é muito fácil tirar uma foto e, segundos depois, publicá-la no Facebook , Instagram, Twitter , entre outros. Além do mais, os smartphones dão a possibilidade de você editar a foto antes, adicionar filtros, molduras, colagens e uma série de outras coisas para deixar suas fotos mais bonitas. Com uma câmera DSLR, esse trabalho fica um pouco mais difícil, porém, muitas delas oferecem a opção de envio por Wi-Fi, como é o caso da Canon 70D, ou até da GoPro, cujas imagens e vídeos podem ser reproduzidas em celular por meio de um aplicativo. Nos demais casos, você precisaria remover o cartão de memória da câmera, colocá-lo no computador para, só então, compartilhá-las nas redes sociais ou para algum amigo. Sem falar que as imagens geradas por esse tipo de câmera geralmente são no formato RAW, que é extremamente grande. Se você tiver tirado muitas fotos, pode demorar bastante tempo até transferir tudo. Autonomia na criação As DSLRs disparam na frente quando o assunto é liberdade de criação (Foto: Adriano Hamaguchi/TechTudo) As câmeras DSLR proporcionam muito mais autonomia e liberdade para os fotógrafos. Com elas, os profissionais podem trocar lentes com muito mais facilidade e adaptar a máquina para os mais variados ambientes, ao possibilitar mais opções de abertura de diafragma, obturador, ISO, balanço de branco, entre outros. Se está muito escuro, ele adiciona um flash a mais, ou um flash com tonalidades diferentes. Se ele quer fazer uma foto do céu estrelado, pode trocar para lentes mais adequadas e aumentar muito o tempo de exposição da lente. O usuário pode ainda anexar um tripé se ele quiser fazer fotos que não estejam tremidas ou quiser produzir um timelapse. São muitas as possibilidades. Já com a câmera de um celular são muito mais restritas, mesmo aquelas que oferecem opção manual. Algumas empresas até vendem lentes para serem anexadas ao iPhone, por exemplo. Mas elas nem de longe se comparam com a qualidade e robustez das lentes para câmeras DSLRs. Qualidade da imagem O formato RAW é a melhor opção por salvar detalhes imperceptíveis a olho nu (Foto: Carol Danelli/TechTudo) Se você quer tirar fotos da mais alta qualidade, deve investir numa câmera DSLR. Elas geram imagens no formato RAW, que não sofrem nenhuma compressão e guarda todos os detalhes da imagem. O resultado disso é uma imagem até seis vezes maior que uma JPEG. Em compensação, você terá muito mais informações para editar posteriormente. Já os smartphones geram imagens no formato JPEG que, mesmo na resolução Full HD, não possui tantos detalhes e cores quanto no formato RAW. Assim sendo, câmeras de celulares não servem para trabalhos profissionais, tais como fotos de casamentos, aniversários e demais ensaios fotográficos. Custo x Benefício O melhor custo x benefício vai depender do tipo de uso que você dará à câmera. Se você quer apenas tirar fotos para postar nas redes sociais ou para guardar momentos especiais, como festas, viagens etc, comprar uma câmera DSLR seria um péssimo custo x benefício. O melhor, neste caso, é investir em um bom smartphone, que contenha uma câmera de boa qualidade. Já se você quiser ganhar a vida como fotógrafo, prepare-se para investir um dinheiro a mais. Primeiro, em uma câmera DSLR de boa qualidade, depois em lentes, e por fim, em acessórios, como tripés, flashes e outros itens que fotógrafos usam constantemente. Neste caso, apesar de um celular ser bem mais barato que uma câmera profissional, ele não vai gerar imagens de qualidade e o seu trabalho ficará comprometido. saiba mais Produza fotos com qualidade profissional usando uma câmera Nikon D5200 Veja algumas curiosidades sobre a GoPro que pouca gente conhece ISO, abertura, megapixels? O que é mais importante na câmera do celular?

ver TechTudo