Celular gasta crédito sozinho? Veja como resolver o problema

Facebook
VKontakte
share_fav

Alguns donos de celulares pré-pagos sofrem com um problema bem incômodo: o gasto não autorizado dos créditos. Quando a pessoa precisa fazer uma ligação importante ou usar a Internet pelo 3G, recebe um aviso de créditos insuficientes para efetuar a ação. Aprenda a identificar o problema e resolvê-lo. Carregadores sem fio: entenda como funcionam e se vale a pena investir Assinatura de pacotes de SMS Mensagens de "sorte do dia" podem estar consumindo seus créditos (Foto: Luciana Maline/TechTudo) Consciente ou inconscientemente, alguns usuários assinam, junto à operadora, um pacote de mensagens SMS. De tempos em tempos, será cobrado um valor específico para ter direito a enviar um determinado número de mensagens SMS naquele mês. Acontece que a maioria dos planos das operadoras trata estes pacotes de mensagens como serviços de renovação mensal. Mesmo que o cliente tenha esquecido ou não se dê conta, todo mês um valor específico será debitado dos seus créditos. Se isso estiver acontecendo com você, basta ligar para a sua operadora e falar com um atendente. Explique o problema e diga que quer cancelar o pacote de mensagens. O atendente explicará como você deve proceder. Há casos em que o pacote assinado sem saber não é para enviar SMS e sim para receber mensagens de "sorte do dia", resultados de jogos, versículos bíblicos etc. Esse serviço é pago, debitado diretamente dos créditos colocados no celular. Se você recebe esse tipo de mensagem com frequência, ligue para a operadora e peça o cancelamento. Conexão de dados habilitada Ativando ou desativando o 3G no Android (Foto: Reprodução/Helito Bijora) saiba mais Como saber se um Galaxy S5 é original? Veja dicas e não caia em golpes Entenda o que significam os símbolos do Facebook Messenger iOS 9 quer saber como vai a sua saúde sexual; entenda iOS 9 ou Android M: qual sistema trouxe mais novidades? Usar carregador de outra marca estraga o celular? Descubra no Fórum do TechTudo Um problema parecido pode acontecer com a Internet móvel, mais conhecida como 3G ou 4G. Muitas operadoras, nos planos pré-pagos, cobram o uso da Internet móvel por dia que usar. Assim, no dia que você não usa, você não paga nada. Porém, muitos usuários se queixam de que gastam créditos mesmo nos dias que não usam o plano de dados. Isso acontece por que a conexão de dados está habilitada no seu celular. Alguns aplicativos necessitam de atualização constante em segundo plano e acabam por usar a rede 3G automaticamente. A operadora identifica que houve uma acesso à sua rede móvel daquele celular e procede com a cobrança. Para resolver este problema, você precisa manter a sua conexão de dados 3G ou 4G desligadas. Para fazer isso no Android , você precisa acessar as configurações do celular, depois ir em “Uso de dados” e, por fim, desligar a opção de “Dados móveis”. No iOS , você deve ir em “Ajustes”, depois em “Celular” e desligar a opção “Dados celulares”. Já no Windows Phone , acesse a opção “Rede celular + SIM” nas “Configurações” e desative a conexão de dados. Vírus Smartphones estão cada vez mais expostos à vírus (Foto: Luciana Maline/TechTudo) Alguns programadores criam vírus destinados a enviar SMS em massa e, consequentemente, gastar seus créditos. Quando o celular está infectado, a ação mais comum é que o vírus envie SPAM para os mais diversos números por meio de mensagens SMS, utilizando os seus créditos. Para se livrar das pragas virtuais, é necessário baixar um antivírus para o seu celular e fazer um escaneamento. Se mesmo assim o problema persistir, talvez a única solução seja restaurar o aparelho, se livrando de todos os dados e aplicativos já instalados. A melhor maneira de se prevenir desse tipo de infecção é só baixar aplicativos de lojas confiáveis, como App Store , Google Play e Windows Store . Desta forma, você diminui bastante as chances de infectar o celular. Ficando atento a estes três problemas, dificilmente, você gastará créditos sem estar ciente disso. Em caso de dúvidas, entre em contato com a operadora e pergunte sobre seus direitos. Em alguns casos, o usuário tem direito ao reembolso do valor debitado indevidamente. Vale à pena ficar atento.

ver TechTudo