Arábia Saudita admite, pela primeira vez, que jornalista desaparecido morreu em consulado

Photo of Arábia Saudita admite, pela primeira vez, que jornalista desaparecido morreu em consulado
Facebook
VKontakte
share_fav

O governo saudita admitiu, pela primeira vez, que o jornalista saudita, desaparecido desde o início do mês, está morto. A Promotoria Geral de Arábia Saudita informou que os resultados preliminares de sua investigação sobre o caso de Jamal Khashoggi mostram que ele morreu no consulado saudita em Istambul "após uma briga com pessoas com as que se encontrou ali", segundo um comunicado citado por meios estatais.

ver El País
#arábia saudita
#ásia
#oriente médio
#meios comunicação
#península arábica
#jornalistas
#balcãs
#pessoas desaparecidas
#casos por resolver
#comunicação
#turquia
#jornalismo
#europa
#europa sul
#casos judiciais
#justiça
#jamal khashoggi