PM confunde guarda-chuva com fuzil e mata garçom no Rio, afirmam testemunhas

Photo of PM confunde guarda-chuva com fuzil e mata garçom no Rio, afirmam testemunhas
Facebook
VKontakte
share_fav

Chovia nesta segunda-feira (17/9), no início da noite, no Rio de Janeiro. Morador da favela Chapéu Mangueira, na zona sul, Rodrigo Alexandre da Silva Serrano, 26 anos, desceu a ladeira para esperar a mulher e os filhos com um guarda-chuva preto, um celular, um “canguru” (aquela espécie de suporte para carregar crianças) e as chaves de casa, próximo ao bar do David. Eram 19h30.

ver El País
#violência policial
#ação policial
#abuso policial
#força segurança
#delitos
#américa
#justiça
#américa do sul
#brasil
#américa latina
#polícia