Fome aumenta e alcança 821 milhões de pessoas

Photo of Fome aumenta e alcança 821 milhões de pessoas
Facebook
VKontakte
share_fav

Os conflitos, os eventos climáticos extremos e as crises econômicas são os principais responsáveis por essa regressão, de acordo com o estudo elaborado pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) junto com outras quatro agências da ONU. As graves secas ligadas ao forte fenômeno El Niño de 2015 e 2016 são especialmente culpadas. Sem água, as plantações e o pasto aos animais não crescem. Isso significa que, nos países altamente dependentes da agricultura, milhares de pessoas ficam sem alimentos suficientes para comer e sem fonte de renda para comprar comida no mercado. A falta de chuvas, de fato, causa mais de 80% dos danos e perdas totais na produção agrícola e de gado.

ver El País
#obesidade
#saúde pública
#doenças
#fao
#alimentação
#unicef
#medicina
#organizações internacionais
#problemas ambientais
#mudança climática
#infância
#post-2015 agenda
#programas onu
#desenvolvimento sustentável
#doenças endócrinas
#desnutrição
#meio ambiente
#onu
#subnutrição
#fome
#alimentos
#saúde
#problemas sociais
#sociedade