App do Google usa selfie para ver com qual obra de arte você se parece

Photo of App do Google usa selfie para ver com qual obra de arte você se parece
Facebook
VKontakte
share_fav

Será que você é parecida com a Mona Lisa? Ou seu rostinho lembra mais a Vênus de Botticelli? Finalmente chegou ao Brasil o Art Selfie, aplicativo do Google que combina sua selfie com obras de arte. Basta um clique e pronto: em segundos o app compara sua selfie com mais de 1600 obras de arte, para encontrar seu gêmeo perdido em algum museu pelo mundo.

A autora desta matéria tem 64 de correspondência com a mulher retratada na obra “The Loving Cup”, de Rossetti, exposta no Museu Nacional de Arte Ocidental, em Tóquio, no Japão.MdeMulher

Para fazer a brincadeira, você precisa baixar o aplicativo Google Arts & Culture, disponível gratuitamente na Play Store (para dispositivos Android) ou App Store (para iPhones e iPads). Quando foi lançado nos Estados Unidos, em janeiro, mais de 30 milhões de selfies foram tiradas nos primeiros dias de funcionamento.

Para marcar o lançamento do Art Selfie no Brasil, foram digitalizados 80 retratos da Pinacoteca de São Paulo – é atualmente o museu com mais retratos disponíveis para combinar com selfies na plataforma.

Parte da redação do MdeMulher e seus correspondentes em museus pelo mundoMdeMulher

Não precisa ter medo de sua selfie ir parar na parede do museu, ou temer por sua privacidade: de acordo com o Google, as fotos não ficam armazenadas em lugar nenhum – até por isso, se você perdeu sua comparação e quiser fazer outra, vai ter de tirar novas fotos. Cada vez o resultado pode ser diferente, já que de tempos em tempos novas obras são incluídas no banco de dados.

E para quem ama arte, o Arts & Culture é um prato cheio, para além do Art Selfie. Por meio dele, você pode ver obras de arte em altíssima definição, visitar museus em 360º e estudar profundamente um movimento, um artista ou um período histórico, entre muitas outras coisas. Vale (muito) a visita!

ver M de Mulher
#redes sociais
#smartphones
#arte
#estilo de vida
#google
#tecnologia