Inteligências artificiais também poderão sofrer de depressão

Photo of Inteligências artificiais também poderão sofrer de depressão
Facebook
VKontakte
share_fav

É comum ouvirmos as pessoas comentarem que as IAs tomarão controle de tudo que é nosso. Até o momento, temos IAs que podem apresentação no mês passado durante a Conferência de Computações Canônicas em Cérebros e Máquinas realizada em Nova York, nos EUA, a serotonina é um neuromodulador, um tipo específico de neurotransmissor utilizado para enviar mensagens ao longo de grandes áreas do cérebro.

De acordo com Mainen, pesquisas em torno da serotonina revelaram que esta tem um papel essencial na capacidade do cérebro de se adaptar a situações diferentes.

“As pessoas pensam na serotonina como algo relacionado à felicidade, mas os neurônios ligados à serotonina aparentemente enviam uma mensagem que não é boa ou ruim, mas algo que parece mais como uma surpresa”, comentou Mainem em entrevista à Science após sua apresentação. “Ela parece especialmente importante ao romper ou suprimir crenças datadas.”

Seguindo esta linha de raciocínio, Mainen afirmou que a depressão pode ser encarada como uma incapacidade do cérebro de se adaptar à mudanças. Ele citou como exemplo o caso de alguém que sofreu um sério acidente e se encontra incapaz de lidar com as novas dificuldades. De acordo com Mainen, drogas como inibidores de serotonina ou mesmo psicodélicos como psilocibina podem aliviar sintomas de depressão ao promover plasticidade cerebral.

Inteligências artificiais podem precisar de algum mecanismo de controle embutido semelhante à serotonina no cérebro humano, disse Mainen. Tal mecanismo permitiria às máquinas se adaptarem rapidamente às situações. Por outro lado, também poderiam levar ao enraizamento de certos padrões mentais, resultando em depressão nas máquinas também.

“A psiquiatria computacional presume que podemos aprender sobre um paciente deprimido ou com alucinação ao estudar algoritmos de IA como reforço de aprendizagem”, disse Mainen à Science. “Invertendo a situação: por que uma IA não poderia estar sujeita aos mesmos males que atingem os pacientes?”

Leia mais matérias de ciência e tecnologia no canal MOTHERBOARD .
Siga o Motherboard Brasil no e no Twitter .
Siga a VICE Brasil no , Twitter e Instagram .

ver Vice Brasil
#emoções
#depressão
#inteligencia artificial
#redes neurais
#serotonina