MP corre contra o relógio para tentar punir autores de massacre do Carandiru

Photo of MP corre contra o relógio para tentar punir autores de massacre do Carandiru
Facebook
VKontakte
share_fav

“É muito difícil de prever quando chegaremos ao final. É correr contra o tempo”, afirma Mário Sarrubbo, subprocurador-geral de Justiça de Políticas Criminais e Institucionais do Ministério Público de São Paulo. Ele está falando sobre o julgamento do massacre do Carandiru, em que 74 réus são acusados pela morte de 111 presos na Casa de Detenção do Carandiru, em 1992. Passados 26 anos, o caso permanece indefinido.

ver El País
#estado são paulo
#segurança penitenciária
#centros penitenciários
#regime penitenciário
#violência policial
#ação policial
#ministério público estadual
#procuradoria
#motins
#são paulo
#ministério público
#massacre carandiru
#força segurança
#prisões
#américa
#poder judicial
#justiça
#américa do sul
#brasil
#américa latina
#polícia