Cássio volta a se agigantar em cima de Diego Souza após seis anos

Facebook
VKontakte
share_fav

Cássio viveu nessa quarta-feira mais uma noite histórica como jogador do Corinthians. E de novo o goleiro será exaltado por ter parado Diego Souza. O camisa 9 do São Paulo foi o encarregado da primeira cobrança de pênalti depois do Corinthians conseguir a vitória pelo placar mínimo no tempo regulamentar graças a um gol de Rodriguinho, aos 47 minutos do segundo tempo.

Depois de ajeitar a bola, Diego Souza caminhou lentamente para a batida, chegou a quebrar o ritmo, enquanto Cássio se manteve estático, no centro da meta. Quando não lhe restou escolha, o meia-atacante escolheu seu canto esquerdo, o direito de Cássio, que se lançou imediatamente e espalmou a bola.

O lance trouxe a memória das quartas de final da Copa Libertadores da América de 2012. Na ocasião, Diego Souza era camisa 10 do Vasco e teve uma oportunidade de ouro aos 17 minutos do segundo tempo do confronto de volta com o Corinthians.

O Pacaembu silenciou quando Diego Souza tomou a bola de Alessandro no meio de campo e partiu em direção à meta corintiana sem zagueiros a sua frente. Cara a cara com Cássio, o então vascaíno arriscou um chute rasteiro. Com a ponta dos dedos, Cássio evitou o gol de forma milagrosa e se transformou em herói de uma classificação que veio por meio de um gol de Paulinho, também nos minutos finais. A campanha resultou no título do Corinthians em cima do Boca Juniors.

Diego Souza parou em Cássio também em 2012, pela Libertadores, quando defendia o Vasco (Foto: Sergio Barzagui/Gazeta Press)

Nessa quarta, na Arena, Cássio não brilhou somente contra Diego Souza. O camisa 12 também defendeu o chute de Liziero para garantir a ida da equipe alvinegra à final do Campeonato Paulista.

“Nem percebi na hora que era o Diego Souza. Eu estava muito concentrado, foquei em todos, um de cada vez, e a gente foi muito feliz. Hoje os pênaltis foram muito bem batidos. A gente fica feliz por chegar à final”, comentou Cássio após a vitória, minimizando qualquer questão pessoal. Diego Souza, por sua vez, saiu de Itaquera em silêncio.

O post Cássio volta a se agigantar em cima de Diego Souza após seis anos apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

ver Gazeta Esportiva
#cássio
#2012
#pênalti
#são paulo
#libertadores
#campeonato paulista
#escolha do editor
#futebol
#diego souza
#notícias
#corinthians