Somalilândia: democracia por si só não basta

Photo of Somalilândia: democracia por si só não basta
Facebook
VKontakte
share_fav

O novo presidente da autoproclamada república da Somalilândia, Muse Bihi Abdi, tomou posse em novembro, exatamente um mês depois de obter 55% dos votos em eleições que, de modo geral, foram consideradas pacíficas e democráticas. No entanto, apesar de realizar eleições com regularidade e de ter moeda própria, instituições de Governo e relações diplomáticas de fato com potências internacionais, a Somalilândia não existe oficialmente. O país precisa superar muitos obstáculos antes de se tornar um Estado de pleno direito e muitos estão relacionados aos direitos de seus cidadãos (ou mais exatamente à falta deles).

ver El País
#áfrica
#direitos mulher
#relações gênero
#política social
#desigualdade social
#desarrollo áfrica
#igualdade
#desenvolvimento sustentável
#desenvolvimento humano
#direitos humanos
#sociedade