Fitas K7 batem recorde de venda

Photo of Fitas K7 batem recorde de venda
Facebook
VKontakte
share_fav

Existe todo um movimento saudosista na internet: o YouTube está cheio de ótimos canais de tecnologia antiga, como o Techmoan, o Retro Man Cave ou o Lazy Game Reviews e o 8-Bit Guy, essa turma mantém acesa a lembrança de tempos mais simples, onde homens eram homens e montavam seus próprios computadores. Mulheres também. Quer dizer, elas também montavam seus computadores, homens não montavam mulheres, por mais vezes que a gente assistisse Mulher Nota Mil anotando tudo que eles fizeram, mas divago.

Há uma indústria vintage que ainda hoje prensa LPs e produz álbuns em fitas K7, mas é um mercado minúsculo que se reduz a cada ano. Agora ele deu um belo salto. Em 2016 as vendas de música em K7 aumentaram 74%, e agora em 2017, subiram 35%. Vinil por sua vez representa 14% de todos os álbuns vendidos em mídia física. É o melhor número desde 2012.

O principal culpado disso tudo? James Gunn.

71t60t9hjl._sx450_

Guardiões da Galáxia não só teve trilhas lançadas em K7, como o Walkman do Starlord é parte importante dos dois filmes. Isso reforçou o saudosismo entre os fãs mais velhos, e atiçou a curiosidade dos mais novos, renovando a fanbase, o que é essencial.

Stranger Things também atraiu bastante gente para sua trilha vintage, e mesmo artistas modernos visionários e gênios mentalmente estáveis como Kanye West lançaram álbuns no formato, na última década.

Claro, isso não quer dizer que o K7 vai renascer das cinzas, o K7 é nicho dentro de nicho. Em 2017 foram vendidos 169 mil álbuns em K7, já em vinil foram 14,3 milhões.

O lado ruim disso tudo é que os equipamentos bons (antigos) estão cada vez mais caros e difíceis de achar e as porcarias chinesas feitas nas coxas, como essa abominação que tirou o 8-Bit Guy do sério:


The 8-Bit Guy — How NOT to create MP3 music from cassette (Feat. Techmoan)

Fonte: The Verge.

The post Fitas K7 batem recorde de venda appeared first on Meio Bit.

ver Meio Bit
#áudio
#vintage
#vinil
#guardians of the galaxy
#james gunn
#música