The Flash: 4ª Temporada – Episódio 9: NÃO Corra, Barry!

Photo of The Flash: 4ª Temporada – Episódio 9: NÃO Corra, Barry!
Facebook
VKontakte
share_fav

É natal em The Flash!

Enfim chegamos ao final da primeira metade da 4ª Temporada de The Flash. Como é de praxe esse episódio tem junto uma veia natalina. Na semana passada tivemos um Crossover que culminou no casamento de Iris e Barry e agora vemos como se desenrola a história entre Barry e DeVoe, O Pensador. Enquanto isso Caitlin tem que lidar com uma antiga amiga que insiste em lhe atormentar. Não quero entrar em todos os méritos da questão agora, mas esse Season Finale está longe de ser o melhor da série. Acredito que ele fique até atrás do Season Finale da temporada passada, tanto em questões técnicas como no impacto causado. O episódio dependeu de uma cena só que à primeira vista pode lhe impressionar, mas olhando mais próximo você encontra padrões que a série já utilizou antes.

Os sequestros

Nessa semana tanto Barry, quanto Caitlin acabaram sendo sequestrados pelos vilões deixando o Team Flash com a responsabilidade de pensar no que seria feito. Isso faz com que Iris retome o papel de líder do time, algo que vimos no início da temporada. Barry foi sequestrado por DeVoe em uma cena difícil de engolir com efeitos especiais bem abaixo do esperado. Já Caitlin encara novamente Amunet que precisa de sua ajuda. Isso acaba desestabilizando o Team Flash uma vez que Iris precisa decidir quem salvar primeiro. Me surpreendi ao ver sua escolha. Em contra partida ver todo o time discutindo e culminando no discurso de sempre só me faz ficar incomodado a cada cena.

Outro ponto que foi completamente desnecessário foi Amunet apoiando Caitlin. Desde a 2ª Temporada sabemos que a médica lida com questões como uma auto estima baixa. Porem, uma vilã a incentivar falando que acredita em seu potencial? Isso é bem difícil de engolir. Interessante citar em meio a isso tudo o “novo” meta que surgiu: Dominic. Seu poder parece bem interessante. Entretanto houve um buraco no roteiro quando ele explica sua habilidade. Ele diz ser capaz de ler mentes somente quando vê a pessoa. Contudo, na tentativa de fuga, o rapaz aparenta saber bem o que está acontecendo sem estar em contato visual com o inimigo. Bola fora em!

DeVoe saindo por cima

DeVoe mostra-se um vilão muito aberto não precisando se ocultar atrás de uma mascara ou qualquer outra coisa para prejudicar o Flash. Prova disso é que antes mesmo da Mid Season Finale, Barry já sabia quem ele era. Entretanto, se Barry achava que isso o faria criar uma vantagem sobre o vilão, ele estava completamente enganado. Ao que parece o vilão está sempre um passo a frente de Allen. Tudo começou quando chegou em seu apartamento uma única faca de presente de casamento.

Todas as cenas seguintes seriam “inuteis” para o contexto principal se não houvesse a reviravolta no final. Dominic, recém salvo por Caitlin, mostrou-se como DeVoe e armou uma armadilha para Barry. Tudo isso após ter seu último embate contra O Pensador. DeVoe fez com que a policia pensasse que Allen tivesse o matado deixando seu corpo no apartamento. Toda a cena carregou um tom de suspense e ficou ainda melhor quando Allen decide não correr, encarando aquilo que estava para vir. Não posso negar que a cena teve uma semelhança tremenda com o assassinato da mãe de Barry.

“Legal ver que detalhes assim ainda são lembrados pelos produtores.”

Contudo, toda essa história não foi um mar de rosas. Foi explicado a nós como DeVoe pôde trocar de mente com Dominic por meio da cadeira dele. Entretanto, a forma como o corpo de DeVoe apareceu no apartamento de Barry deixa tudo muito confuso. Como ele apareceu lá logo depois de seu corpo ter caído no fundo mar? Além disso, mais uma vez o padrão “Caitlin dedo podre” se repete. Reclamar das repetições dos produtores tem sido até chato, mas bato nessa tecla já que eles falaram que a 4ª Temporada seria diferente. Por enquanto não tem sido muito.

Antes de encerrar, é interessante citar um ponto muito bem visto pelo pessoal do The Flash Br. No episódio 1×23, quando Barry está voltando no tempo, vemos várias imagens passando por ele, e uma delas é ele fazendo um telefonema com uma roupa de detento. No inicio da temporada, enquanto ainda sofria os efeitos da Força da Aceleração, Barry exclama: “Vossa Excelência, eu sou inocente, não matei ninguém” e agora ele vai preso por assassinato. Parece que as coisas vão se encaixando aos poucos. Legal ver que detalhes assim ainda são lembrados pelos produtores fazendo com que prestemos mais atenção em algumas coisas que não parecem tão importantes.

O post The Flash: 4ª Temporada – Episódio 9: NÃO Corra, Barry! apareceu primeiro em Combo Infinito.

ver Combo Infinito
#críticas
#warner
#the-flash
#todas
#análise
#tvséries