The Flash: 4ª Temporada – Episódio 8: Crise em uma Terra Nazista

Photo of The Flash: 4ª Temporada – Episódio 8: Crise em uma Terra Nazista
Facebook
VKontakte
share_fav

Sim jovens! Voltamos com as análises de The Flash. Essa semana The Flash faz o seu habitual CrossOver entre as outras séries da CW para unir o Universo DC. Eu particularmente não gosto da ideia. Esse formato lhe obriga a assistir às outras séries da CW para aproveitar bem o episódio. De qualquer forma, o que tivemos aqui não foi um episódio ruim. O último CrossOver de The Flash, que apostou em um musical, dividiu opiniões. Dessa vez a coisa foi voltada muito mais para ação e um pouco de drama com as questões pessoais de cada herói.

Entendendo o que está acontecendo

Conforme eu disse, a CW aposta em um tipo de CrossOver que causa uma obrigatoriedade ao fã de ver as suas outras séries. Até mesmo a Netflix fez isso com a série Os Defensores. Não vou comparar as duas empresas, mas deixo aqui o meu descontentamento como da outra vez com essa atitude. A história se passa entre duas Terras. O casamento de Barry é interrompido pelos sósias de Kara, Oliver e Eobard Thawne. O objetivo deles é conseguir um coração novo para a sósia de Kara que está morrendo. A Terra deles é dominada pelo Nazismo e o líder é ninguém menos que Oliver Queen. Tudo isso você vai associando ao longo do episódio já que o Recap inicial é muito rápido e deixa as coisas ainda mais confusas.

Colocar uma Terra que está sendo dominada pelo Nazismo foi bem interessante. Apesar de o tema não ter sido muito abordado, vimos características peculiares daquela época. Campos de concentração e o preconceito por se achar a raça superior se fazem presente no episódio. Achei interessante como usaram os efeitos especiais para que as duas Karas pudessem aparecer no mesmo quadro. A volta de Wells como Eobard pode parecer estranha no começo, mas é algo que traz um tom nostálgico a série. É inegável que The Flash tenta de todas as formas reconquistar os fãs da Primeira e Segunda temporada e Wells está sendo a ponte para eles. Basta usarem da forma correta para que o personagem não fique saturado.

Ritmo acelerado

O artigo continua abaixo

O ritmo do episódio fica oscilando entre dois pontos: Desenvolvimento de questões pessoais dos personagens e ação desenfreada. O desenvolvimento dos personagens foi interessante. Já a ação deixou-me completamente incomodado. Destaco aqui a participação de Snart no episódio. Sou fã do trabalho do Miller na série e mais uma vez ele provou o quanto ele faz falta. Já foi anunciado que ele não participaria mais da série, então acredito que ele se despediu bem de seu papel.

Em contra partida, as cenas de ação do episódio foram mal coordenadas. Hoje em dia temos séries que estão colocando o nível de ação muito acima, como é o caso de Justiceiro e Demolidor. Se colocarmos as séries lado a lado vemos que The Flash está muito abaixo do esperado atualmente nesse quesito. Cenas de tiro com o flash da arma bem artificial, balas que parecem ser atiradas aleatoriamente já que não acertam ninguém e heróis que não são atingidos por nada e nem demonstram estar no meio de um tiroteio. Tudo isso prejudica bastante todo o contexto das cenas e até mesmo a aparição de Snart acaba ficando menos impactante por conta da cena de ação subsequente.

E acabou?

Quando você divide a sua história, como a CW fez, é obvio que é para promover o que vem a seguir – o chamado Cliffhanger – . The Walking Dead fez isso e foi duramente criticado e não poderiamos aliviar para The Flash. Tudo estava encaminhando para que aquilo acontecesse com o Professor Stein. Desde que começou a conversar com Jefferson algumas cenas antes, já dava para sentir um clima de despedida. Não critico o que aconteceu já que o Professor Stein não se faz mais muito presente na série The Flash, mas amarrar isso para que seja concluído na outra parte do CrossOver foi completamente desnecessário.

O formato do CrossOver da CW pode funcionar muito bem para quem está assistindo à série em sequência no canal, mas não fica tão interessante para quem não assiste pelo canal. Tendo em vista que já estamos no quarto ano de The Flash, não acredito que a série deixará de ter esses CrossOver. Uma pena. Acho que a CW poderia repensar a forma como a coisa é feita para conseguir vender todas a suas séries sem que haja obrigatoriedade de assisti-las, mas sim vontade. Por enquanto só há obrigatoriedade.

O post The Flash: 4ª Temporada – Episódio 8: Crise em uma Terra Nazista apareceu primeiro em Combo Infinito.

ver Combo Infinito
#destaque
#críticas
#supergirl
#crossover
#arrow
#the-flash
#todas
#tvséries