Quase metade dos eleitores brasileiros poderão votar com um título digital em 2018; app para iPhone chegará nas próximas semanas

Photo of Quase metade dos eleitores brasileiros poderão votar com um título digital em 2018; app para iPhone chegará nas próximas semanas
Facebook
VKontakte
share_fav
e-Título, versão digital do Título de Eleitor

Engraçado: há algumas semanas, falando sobre o lançamento da CNH Digital, comentei aqui neste singelo site que gostaria de ver todos os documentos comumente utilizados pelo brasileiro ganhando versões eletrônicas, que facilitassem a vida e andassem sempre conosco dentro dos nossos estimados smartphones. Bom, parece que os deuses da conveniência me ouviram, porque menos de uma semana depois surgiu a Carteira de Trabalho Digital e agora já temos mais um documento tomando as vias eletrônicas: o Título de Eleitor.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou hoje o e-Título, um aplicativo que, como o próprio nome já diz, coloca todos os seus dados de eleitor no seu smartphone. Basta entrar com algumas informações — nome completo, número do título, nomes do pai e da mãe, e data de nascimento — para que o app seja validado e funcione como uma extensão do documento; ele ainda vai além da versão em papel do título por exibir, na tela do celular, informações como a situação de quitação eleitoral, dados sobre o cadastramento biométrico e endereço da sua zona eleitoral (até mesmo com geolocalização para lhe guiar até o local).

Também há, no app, um código QR para validar o documento eletrônico no momento da votação e mostrar os dados do eleitor instantaneamente. Como bem se sabe, não é necessário apresentar o título na zona eleitoral (apenas um documento com foto), mas o e-Título pode acelerar muito o processo de votação — este que vos escreve, que foi mesário nas últimas eleições, pode atestar que a mudança será muito positiva para as filas e o tempo de espera.

O e-Título estará disponível para todos os eleitores que já realizaram o cadastramento biométrico — segundo o TSE, cerca de 47% dos brasileiros aptos a votar já realizaram o processo e podem baixar o aplicativo, que já está disponível no Google Play e chegará à App Store nas próximas semanas.

O melhor de tudo é que a criação do app foi uma iniciativa interna do TRE-AC (valeu, acreanos!) e, segundo o presidente do TSE, Gilmar Mendes, não foi gasto um centavo extra sequer de dinheiro público no seu desenvolvimento. Excelente notícia — e que venham mais documentos digitais!

via Estadão

ver Mac Magazine
#off-topic
#app store
#democracia
#documento
#digital
#eletrônico
#eleição
#título de eleitor
#tse
#tribunal superior eleitoral
#votação
#e-título