Mentor dos ataques em Barcelona foi informante da espionagem espanhola

Facebook
VKontakte
share_fav

O imã de Ripoll, Abdelbaki es Satty, líder e inspirador da célula jihadista que cometeu os atentados de Barcelona e Cambrils em 17 de agosto deste ano, não era um desconhecido das forças e corpos de segurança do Estado espanhol. Além de ter sido investigado na Operação Chacal, foi informante do Centro Nacional de Inteligência pelo menos durante sua passagem pela prisão de Castellón, onde esteve entre 2010 e 2014 por um delito de tráfico de drogas. Fontes dos serviços secretos espanhóis confirmam a informação, mas não esclarecem desde quando e até quando religioso colaborou com eles, nem se essa colaboração foi remunerada.

ver El País
#terrorismo islâmico
#regime penitenciário
#jihadismo
#cni
#espionagem
#atentados terroristas
#defesa
#serviços inteligência
#segurança nacional
#instituições penitenciárias
#ataques con atropelamento
#ataque barcelona 17-a
#terrorismo
#abdelbaki es satty