The Flash – Episódio 5 – 4ª Temporada – Se beber, não case?

Photo of The Flash – Episódio 5 – 4ª Temporada – Se beber, não case?
Facebook
VKontakte
share_fav

Olá pessoal! Bom, primeiramente venho dizer que as análises de The Flash passarão por mudanças. A partir de agora elas sairão entre Domingo e Terça-Feira por questões pessoais. Àqueles que assistem ao episódio após o lançamento terão a chance de relembrar o que aconteceu antes do episódio da semana. Espero que vocês compreendam e não deixem de acompanhar as nossas opiniões sobre os episódios semanais do Velocista Escarlate.

Bom, no episódio dessa semana temos a despedida de solteiro de Iris e Barry. Contudo, as coisas não acabam muito bem para ambos os lados. Enquanto Barry e a turma se metem em confusões do cotidiano, Iris e as garotas enfrentam uma vilã que atormentava Caitlin. Por mais que o episódio tenha sido engraçado, trouxe para a ficção questões que não são saudáveis de se tratar sem que haja desavença de opiniões. Além disso, a série continua apostando em seu discurso motivacional dando a entender que tudo pode mudar, menos o discurso.

Barry e os rapazes

Quem é fã assíduo de The Flash deve se lembrar que Barry já tentou ficar bêbado, mas por conta de seu metabolismo rápido não dá certo. Contudo, essa semana pudemos ver que o rapaz pode sim ficar bêbado graças ao Cisco. Após terem um inicio de festa arruinado por Ralph Dibny, os rapazes vão a um bar noturno para realmente darem inicio às festividades. É interessante ver como Dibny veio trazer um lado mais cara de pau ao Team Flash. O cara parece ter um jeitinho para tudo, e a sua fama lhe precede. Os momentos no bar, apesar de terem sido curtos, foram cômicos. Barry gritando a plenos pulmões que era o Flash e dois minutos depois estar triste com o frango foi legal de se ver.

Em contra partida, mais uma vez Harry está deslocado no meio do time. Como disse na semana passada, o personagem tinha uma função estabelecida na 2ª Temporada e a desempenhava muito bem. Contudo, nessa temporada ele está simplesmente servindo como um coadjuvante. O personagem está sendo estragado aos poucos e é uma pena, já que Harry Wells foi um excelente personagem.

“Deixo claro, que não apoio nem um, nem outro. Simplesmente acho que questões como essa, que causam discussões tremendas e até mesmo agressões físicas, não precisam ser abordadas na série.”

Durante a noite dos rapazes, surgiu uma questão que sinceramente achei um pouco estranha de ser abordada. A filha de Cecile realizava trabalhos para o bar noturno para que visse como era a rotina das meninas. Contudo, ao abordar isso, ela cita questões como o Feminismo. Deixo claro, que não apoio nem um, nem outro. Simplesmente acho que questões como essa, que causam discussões tremendas e até mesmo agressões físicas, não precisam ser abordadas na série. Assim como a série não toma partido com nenhuma questão que está acontecendo mundo à fora (Racismo, Política etc), acho que abordar o Feminismo pode fazer com que ela comece a abordar outras questões cotidianas que não fariam bem para sua audiência.

Iris e as garotas

Do outro lado Iris e as garotas fazem uma despedida de solteira para a moça. No meio da festa tivemos a chance de entender o que aconteceu com Caitlin e quem está a perseguindo. Após o final da 3ª Temporada, a moça buscou a cura para Nevasca e acabou caindo nas mãos de Amunet, uma criminosa do Mercado Negro que traficava Meta Humanos. Amunet prometeu à Caitlin uma cura em troca de seus serviços. Claro que isso não deu muito certo e Caitlin acabou abandonando o barco. Contudo, Amunet não a deixaria sair tão fácil e perseguiu a moça. Tal perseguição foi o que embasou a noite das meninas. Por mais que tenha sido interessante ver elas resolvendo as coisas sem o Flash, há alguns pontos que precisam ser destacados.

Primeiro é a postura de Iris em meio a tudo isso. No primeiro episódio vimos uma postura dela que eu acho ideal para momentos como no episódio dessa semana. Contudo, nessa semana vimos ela abusando do que ela sabe fazer melhor: Discursar. Em diversos momentos a moça parou a ação para motivar alguém a fazer algo. Completamente desnecessário. A história de Caitlin, apesar de interessante foi contada de maneira confusa. No começo não ficou muito claro qual era o papel dela. Contudo, depois foi explicado claramente o que aconteceu entre as duas. Espero que a situação de Caitlin com Nevasca tenha sido resolvida. Gostei de como a personagem foi desenvolvida ao longo do episódio. Entretanto, tudo isso já se arrasta desde a 2ª Temporada. Hora de encerrar.

O Pensador

Parece que o vilão finalmente está começando a botar seu plano em ação. Por mais que ainda não tenhamos muito sobre o que ele planeja, nessa semana ela tomou uma atitude questionável com um meta. Após o Meta preso por Amunet fugir por medo de ser maltratado também pelo Team Flash, ele foi perseguido pelo Pensador que aparentemente matou o rapaz. Claro, não dá para dizer ao certo se o rapaz foi morto, ou simplesmente capturado. Contudo, isso mostra o primeiro movimento do Pensador que antes ficava somente em sua sala analisando toda a situação. Parece que o encontro entre ele e Flash se aproxima. Como já disse, quero muito ver como se desenrolará esse confronto entre Flash e ele, já que dinâmica de combate promete mudar bastante do que vemos na série.

O post The Flash – Episódio 5 – 4ª Temporada – Se beber, não case? apareceu primeiro em Combo Infinito.

ver Combo Infinito
#críticas
#warner
#the-flash
#todas
#tvséries
#bebado
#iris west
#se beber