Aparelho de ultrassom para iPhone ajuda médico a descobrir câncer em si mesmo

Photo of Aparelho de ultrassom para iPhone ajuda médico a descobrir câncer em si mesmo
Facebook
VKontakte
share_fav
Butterfly IQ iPhone ultrasom

A fim de testar o Butterfly IQ, um aparelho portátil que torna possível realizar ultrassons quando conectado a um iPhone, o cirurgião vascular John Martin acabou comprovando que o aparelho funcionava bem de uma maneira… hum, nada agradável.

Martin vinha sentindo um desconforto peculiar em sua garganta, então resolveu testar o pequeno aparelho conectado ao seu iPhone exatamente no ponto em que sentia dores, como ele contou ao veículo MIT Technology Review.

[…] imagens em preto e cinza apareceram rapidamente. Martin não é especialista em câncer. Mas ele sabia que a massa escura de três centímetros que viu não era para estar ali. “Sou médico o suficiente para saber que eu estava com problemas”, disse ele. Era um câncer de células escamosas.

O Butterfly IQ, o tal aparelho que o ajudou a identificar o câncer, é a primeira máquina de ultrassom de estado sólido a atingir o mercado nos Estados Unidos. Para realizar a ultrassonografia, o dispositivo envia sons ao corpo e, então, captura os ecos.

Butterfly IQ iPhone ultrasom

Por se tratar de um aparelho que pode ser utilizado apenas com a ajuda de um iPhone, onde aparecem as imagens em tempo real, a fabricante Butterfly Network espera que o dispositivo possa ser usado sem sequer nenhum treinamento médico.

A empresa diz que espera combinar o aparelho com software de inteligência artificial o qual poderia ajudar um novato a operar a sonda, coletar as imagens certas e interpretá-las. No próximo ano, acredita, seu software permitirá aos usuários calcular automaticamente quanto sangue o coração está bombeando ou detectar problemas como aneurismas aórticos.

Martin contribui com as esperanças da empresa, afirmando que o dispositivo pode até ser levado para as casas de pacientes e, talvez, possa ajudar pais a descobrirem, antes que seja tarde, alguma fratura caso seus filhos se machuquem.

Olhar para isso como apenas um dispositivo de ultrassom é como olhar para um iPhone e dizer que é apenas um telefone. Se qualquer um pode ter acesso a uma visão do interior do seu corpo e pode interpretá-la, ele se torna muito mais do que um aparelho de ultrassom.

De fato, a Apple tem sempre tentado melhorar cada vez mais suas iniciativas de saúde, principalmente em relação ao monitoramento de batimentos cardíacos, pressão sanguínea, entre outras coisas. Portanto, é ganho também para a Maçã que desenvolvedores estejam pensando em soluções diversas de saúde dedicadas aos seus produtos.

O Butterfly iQ começará a ser despachado em 2018 e custará “menos de US$2.000”.

via 9to5Mac

ver Mac Magazine
#médico
#câncer
#medicina
#diagnóstico
#gadgets
#ultrassom