Adeus, Bing: Apple agora usa o Google como buscador para resultados de pesquisas da Siri no iOS e do Spotlight no macOS

Facebook
VKontakte
share_fav
Siri mostrando resultados do Google

Recentemente, nós informamos que a Apple receberá US$3 bilhões do Google fruto do acordo para que a a empresa se mantenha como serviço padrão de buscas do Safari. Hoje, mais uma vitória para a companhia de Mountain View, segundo informou o TechCrunch.

Recapitulando: antes, a Apple tinha um acordo com o Bing para que o sistema de busca da Microsoft entregasse os resultados tanto da Siri quanto do Spotlight (iOS e macOS); agora, porém, isso mudou. Eis a declaração da Apple:

Mudar para o Google como o provedor de pesquisa na web para a Siri, a Busca no iOS e o Spotlight no Mac permitirá que esses serviços tenham uma experiência consistente de pesquisa na web com o padrão no Safari. Nós temos boas relações com o Google e a Microsoft, e continuamos empenhados em oferecer a melhor experiência de usuário possível.

Siri mostrando resultados do Google Siri mostrando resultados do Google

Com isso, tanto os resultados para perguntas que a Siri não sabe responder quanto as perguntas específicas que você fizer pedindo para que a assistente busque algo na internet, agora, apresentarão resultados do Google. Estes, porém, valem para links na web e vídeos — ao menos por enquanto, qualquer resultado buscas de imagens na web ainda é entregue pelo Bing.

Siri mostrando resultados do Google Siri mostrando resultados do Google Siri mostrando resultados do Bing

Ainda segundo o TechCrunch, todos os resultados de pesquisa vêm diretamente da API1 de pesquisa do sistema, o que significa que você receberá os resultados brutos, sem anúncios; assim que você tocar/clicar no resultado ou no vídeo, aí você sai do domínio iOS e entra no do Google, podendo receber propagandas.

Ainda de acordo com o site, as pesquisas e os resultados são criptografados e anônimos, e não podem ser atribuídos a nenhum usuário individual. Depois de tocar/clicar no link, é claro, o rastreamento padrão será aplicado — ao clicar diretamente em um resultado do site, você irá direto para ele.

Resta saber se essa mudança tem mesmo a ver com consistência (o que faz bastante sentido) ou se está mais relacionada ao novo acordo de US$3 bilhões costurado pelas empresas.

ver Mac Magazine
#ios
#macos
#resultado
#busca
#siri
#bing
#link
#url