No Chile, pastor evangélico pisa em bandeira LGBT e é expulso de programa

Photo of No Chile, pastor evangélico pisa em bandeira LGBT e é expulso de programa
Facebook
VKontakte
share_fav

Leia mais

Durante o programa ‘El Interruptor‘, do canal Via X, no Chile, o pastor Javier Soto acabou sendo expulso por ter pisoteado uma bandeira LGBT.

No meio da conversa com o apresentador Jose Miguel Villouta, que é assumidamente homossexual, o pastor tirou a bandeira (a qual chamou de ‘pano de chão’) e começou a pisotea-la.

Sem se importar com os pedidos educados do apresentador para que guardasse o objeto, o pastor acabou sendo abordado pela diretora de conteúdo do canal.

Javier Soto disse então que, se não pudesse usar a bandeira, iria sair do programa. Veja no vídeo:

Dias depois, o apresentador Jose Miguel Villouta acabou deixando o comando do programa que havia ajudado a criar. Em uma carta pública, Jose disse que ‘para este programa, estava planejado fazer um show com Jose Antonio Kast. Isso implicava que eu cantaria karaokê e jogaria com ele. A princípio, queriam que eu fizesse o mesmo com o pastor o que me neguei com veemência em várias ocasiões’.

Em outro trecho da carta, Jose continua: ‘Kast e Soto (aliados políticos) fazem campanha para que eu não tenha direitos e atacam o centro de minha identidade, além do público LGBT, pelo qual sempre tenho trabalhado com determinação, graça e na linha de frente, ainda que em tempos que era uma audácia fazê-lo’.

ver Virgula
#pastor
#orgulho gay