Blippar, é uma espécie de Shazam pra carros (e outras coisas)

Facebook
VKontakte
share_fav

do-all-modern-sedans-look-the-same

Um dos mais irritantes aspectos do Uber é que a identificação do carro é por sua conta. De que adianta dizerem que é um “Spicco Preto” ou um “LaGuerta Flicts” (mentira, são todos pretos) se eu não sou um fanático por carros que conheço todos os modelos em circulação, de todos os ângulos?

Pra piorar os carros de hoje estão cada vez mais parecidos.

Agora esse problema pode acabar, ainda mais se o Uber comprar ou licenciar a tecnologia da Blippar, uma empresa que usa IA e Machine Learning para alimentar uma rede neural de reconhecimento de imagem.

Originalmente eram uma espécie de QR Code, mas evoluíram e passaram a reconhecer qualquer coisa. O objetivo primário é promocional, você paga para que seu produto seja reconhecido, assim se eu vejo alguém com um relógio que gosto, uso o app, ele identifica e me mostra até o link da loja.

O Blippar funciona com qualquer coisa, objetos do dia-a-dia, paisagens, celebridades, etc.

20170526blipar

Agora eles estão terminando de refinar o sistema, e ele passará a reconhecer todos os modelos de carros vendidos nos EUA entre 2000 e 2017, com 97,7% de precisão, mesmo com o carro se movendo a uns 30 km/h. O número é excelente, 97,7% de acerto é praticamente a minha taxa de reconhecimento de carros, com margem de erro de 97,7%.

O Tech Crunch imagina que essa tecnologia será disponibilizada em forma de API, o que faz bastante sentido, e se for apps como Uber e Lyft com certeza a licenciarão, é o tipo de coisa que é bom pra todo mundo, até pro pivete que vai passar correndo e levar seu celular enquanto você escaneia o trânsito.

Para brincar com o Blippar, ainda na versão antiga, você pode baixar pra Android ou iOS.

Fonte: Tech Crunch.

The post Blippar, é uma espécie de Shazam pra carros (e outras coisas) appeared first on Meio Bit.

ver Meio Bit
#celular
#lyft
#shazam
#blippar