Acesso ao emprego ainda é a principal demanda do movimento trans, por Walber Pinto

Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Direitos

(Foto: Roberto Parizotti) Marcha da visibilidade trans por mais emprego e dignidade, neste sábado, 28, na Avenida Paulista

da CUT

Acesso ao emprego ainda é a principal demanda do movimento trans

Maioria das empresas continuam resistindo a contratar travestis e transexuais em razão da transfobia

por Walber Pinto

Neste 28 de janeiro, data em que se celebra o Dia da Visibilidade Trans, atividades por todo país denunciam a transfobia e a necessidade de inclusão social das travestis, mulheres transexuais e homens trans no mercado de trabalho.

Em ano de crise, a dificuldade de inclusão se torna ainda maior e gera um caos social: segundo dados da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra) 90% deste público está se prostituindo no Brasil e apenas 10% trabalha com registro em carteira.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#transgênero
#políticas públicas