Nadal e Federer, heróis que não envelhecem

Photo of Nadal e Federer, heróis que não envelhecem
Facebook
VKontakte
share_fav

Nestes tempos de imediatismo, de ídolos fast food que um dia estão nos pedestais e, em outro, na sarjeta – porque a sociedade moderna se cansa mais rapidamente e demanda novidades permanentemente -, os únicos sobreviventes são os heróis. Poucos, muito poucos, desportistas sobrevivem ao clamor do público, necessitado de novos estímulos e de novos rostos que os devolvam a alegria. São poucos, muito poucos, mas eles existem. E um deles é Rafael Nadal, esse tenista que, até pouco tempo atrás, já parecia destinado a uma aposentadoria dourada, mas que na sexta-feira, após outra atuação memorável, venceu Grigor Dimitrov depois de cinco horas (6-3, 5-7, 7-6, 6-7 e 6-4, em 4h46) e carimbou seu bilhete para a final do Aberto da Austrália. Ou seja, contrariando todas as expectativas.

ver El País
#competições
#grand slam
#grigor dimitrov
#rafa nadal
#open australia
#atp tour