Governo Alckmin quer extinguir a Banda Sinfônica de SP

Photo of Governo Alckmin quer extinguir a Banda Sinfônica de SP
Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Crise
Jornal GGN - A Banda Sinfônica do Estado de São Paulo pode acabar, anunciam os músicos e o grupo. Após uma grande mobilização com os riscos de cortes no orçamento da Banda Sinfônica propostas pelo governador Geraldo Alckmin e pela Secretaria de Cultura do Estado, no final do ano passado, o grupo conquistou a aprovação de uma emenda parlamentar de R$ 5 milhões, para evitar os cortes do início deste ano. Entretanto, o governo decidiu brecar o repasse dessa emenda.
"A Banda ficou ciente, em reunião com o Secretário José Roberto Sadek, de que o dinheiro da emenda se encontra em contingência decretada pelo Governador", denunciou o grupo. "Sem receber mais repasses estaduais e tampouco possuir previsão de liberação de verbas para manutenção dos músicos, é provável que o Instituto Pensarte (organização social gestora do grupo) realize demissões já na próxima semana", completou em comunicado.
A primeira vitória da Banda Sinfônica, diante dos grandes riscos de demissões, a banda realizou um concerto protesto nos salões da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), no fim de 2016. A medida pressionou os parlamentares a aprovarem a emenda aglutinativa, por dois terços da Câmara. A maioria dos deputados estaduais concordaram com a manutenção do grupo e resolveram aprovar o repasse de R$ 5 milhões.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#investimento
#grupo
#emenda
#alckmin
#repasse
#extinção
#secretaria de cultura
#acabar
#banda sinfônica do estado de são paulo