Após a FTC ir em cima da Qualcomm com acusação de monopólio, Apple também abre processo contra ela [atualizado]

Photo of Após a FTC ir em cima da Qualcomm com acusação de monopólio, Apple também abre processo contra ela [atualizado]
Facebook
VKontakte
share_fav
Qualcomm

A Apple acaba de abrir um processo contra a Qualcomm relacionado a um suposto monopólio no mercado de chips wireless, poucos dias após a Federal Trade Commission dos Estados Unidos também autuar a fabricante.

Segundo investigação da FTC, de 2011 a 2016 a Qualcomm explorou um contrato de exclusividade com a Apple para impedir ou dificultar o desenvolvimento de fabricantes concorrentes dos seus chips — como a Intel, que só nos iPhones 7/7 Plus conquistou parte da demanda da Apple.

Há anos, a Qualcomm é a responsável pelos chips 3G/4G que equipam todos os iPhones e iPads com conectividade celular. Eis uma parte da declaração emitida hoje pela Apple sobre o caso:

A Qualcomm construiu o seu negócio em padrões antigos mas reforça a sua dominância através de táticas exclusivas e royalties excessivos. Embora seja uma entre mais de uma dúzia de empresas que contribuíram para os padrões celulares básicos, a Qualcomm insiste em cobrar da Apple pelo menos cinco vezes mais em pagamentos do que todas as outras licenciadoras de patentes de celular com que temos acordos firmados, juntas.

O processo da Apple contra a Qualcomm, especificamente, afirma que ela buscará um ressarcimento de US$1 bilhão referentes a royalties indevidos, que estariam retidos pelo fato de a Apple ter cooperado com agências antitruste coreanas. Já a ação da FTC envolve outros aspectos do suposto monopólio praticado pela fabricante, e deve ter sido instigado também por concorrentes dela.

A briga é grande. Acompanharemos.

[via Bloomberg, Fortune]

ver Mac Magazine
#telefonia
#qualcomm
#processo
#ação
#royalties
#federal trade commission
#ftc
#monopólio
#baseband
#modem