Mutirão carcerário no Amazonas liberta 432 presos provisórios

Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Justiça

Manaus - Portão principal do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), na capital amazonense (Marcelo Camargo/Agência Brasil)Marcelo Camargo/Agência Brasi

da Agência Brasil

Mutirão carcerário no Amazonas liberta 432 presos provisórios

Marcelo Brandão - Enviado especial

A primeira semana de mutirão carcerário no Amazonas resultou na concessão de liberdade a 432 presos provisórios. Parte deles, segundo o Tribunal de Justiça do estado (TJAM), terá que usar tornozeleira eletrônica. A medida é parte das providências tomadas pelo governo estadual para reduzir a massa carcerária que superlota cadeias e reduzir a tensão no sistema prisional.

O presidente do TJAM, Flávio Pascarelli, esclareceu que os processos estão sendo analisados com cuidado e critério, para decidir se a liberdade ou a adoção de medidas alternativas de cumprimento da pena são as mais recomendadas em cada caso. Em 13 municípios do interior do estado, por exemplo, foram analisados 665 processos, com a decisão pela concessão de liberdade provisória a 29 desses réus.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#sistema prisional
#manaus
#presos provisórios
#mutirão carcerário