Por veto, Temer tentará obrigar Estados a cortes e privatizações

Photo of Por veto, Temer tentará obrigar Estados a cortes e privatizações
Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Crise
Jornal GGN - Após a derrota de Michel Temer na Câmara, com os deputados retirando a exigência de contrapartidas dos Estados endividados para receber socorro da União, o presidente poderá vetar o projeto, ainda nesta quarta-feira (28). Na prática, o governo busca forçar o controle sobre os governadores para suas políticas econômicas.
Na última semana, os parlamentares aprovaram a renegociação das dívidas dos Estados, mas derrubaram todas as contrapartidas que as federações em pior situação financeira precisariam "dar em troca", como Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Minas Gerais. Pela ideia do Planalto, esses estados teriam que aderir ao regime de recuperação fiscal, cortando boa parte dos seus gastos, suspendendo reajustes do funcionalismo, endurecendo ainda mais as regras previdenciárias estaduais e privatizando serviços.
A medida foi uma proposta do Ministério da Fazenda, de que as federações que seguissem essas regras alcançariam a renegociação das dívidas com a União. Mas no Congresso, o objetivo não teve exito. Os deputados aprovaram a renegociação, excluindo essas contrapartidas.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#pressão
#dívida
#estados
#cortes
#governadores