Temer diz que contrapartida dos Estados endividados será cobrada depois

Photo of Temer diz que contrapartida dos Estados endividados será cobrada depois
Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Crise
Jornal GGN - Não saindo como queria o presidente Michel Temer, a renegociação não exigirá contrapartidas dos Estados endividados, com uma derrota do peemedebista na Câmara dos Deputados. Isso porque o Ministério da Fazenda queria obrigar governadores a cortar gastos. Mas Temer afirmou que os governadores poderão ser cobrados pelas Assembléias Legislativas.
Com isso, apesar de o Planalto atuar para esvaziar a sessão de votação, uma maioria de 296 deputados garantiram que a matéria passasse na Casa Legislativa, nesta terça-feira (20), seguindo agora para a sanção de Temer.
Em evento em Mogi das Cruzes, em São Paulo, nesta quarta (21), Temer minimizou a derrota. "A primeira impressão que se deu ontem [terça] é que o governo foi derrotado, mas não é nada disso. O que fizemos foi exatamente um projeto de lei para confirmar a repactuação das dívidas com os Estados", disse.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#camara
#aprovação
#estados
#governadores
#governos
#repatriação
#endividados