Morte de Fidel leva euforia à Pequena Havana, em Miami

Photo of Morte de Fidel leva euforia à Pequena Havana, em Miami
Facebook
VKontakte
share_fav

Pequena Havana (ou Little Havana, como é chamado o bairro em inglês), reduto histórico dos opositores da revolução cubana em Miami, nos Estados Unidos, estava cheio de pessoas comemorando a morte de Fidel Castro. Todos com bandeiras de Cuba, panelas e tambores, gritando sua satisfação: “Viva Cuba livre!”, “Viva Cuba livre!”, “Viva Cuba livre!”, perto do Versailles, autodenominado “O restaurante cubano mais famoso do mundo”. Na porta do local, um dos funcionários sorria e dizia: “Sempre estivemos esperando que morresse e de vez em quando vinha a notícia, montávamos o show e depois ficávamos sabendo que não tinha morrido. Pois agora é verdade. A estrela morreu. Terminou o show”. O trabalhador do Versailles preferiu não se identificar: “Ainda tenho família lá. Quando Cuba for um país normal, volte aqui e dou meu nome”.

ver El País
#miami
#caribe
#flórida