MWC 2017 marcará o retorno da Nokia ao mercado de smartphones

Facebook
VKontakte
share_fav

nokia-x

Chegou a hora: a HMD Global Oy, companhia finlandesa que hoje detém os direitos da marca Nokia e é gerida por egressos da antiga gigante de comunicações e hardware anunciou semana passada que vai voltar ao mercado de smartphones em 2017.

E o palco inclusive já foi escolhido: os primeiros modelos serão apresentados na próxima MWC.

Na última semana, a empresa realizou um evento para seus investidores e desfiou seus planos para os próximos anos. Num slide já estava bem claro uma das principais metas para 2017: “retornar ao mercado de smartphones”. Tal movimento já era esperado desde que a Microsoft jogou a toalha, tendo vendido a divisão de feature phones para a FIH Mobile, uma subsidiária da Foxconn em maio por ridículos US$ 350 milhões.

nokia-slide

Foi um desfecho triste para toda a história envolvendo a Nokia e a Microsoft: desde a entrada de Stephen Elop, o Cavalo de Troia de Redmond que como CEO desmantelou a companhia por dentro, passando pela aquisição por US$ 7,2 bilhões em 2013 e a série de passos mal calculados que vieram depois e culminando com o abandono da marca em seus smartphones Lumia, a parceria não só chegou atrasada como não fez diferença alguma no mercado mobile, dividido entre iOS e Android. Era tarde demais para um terceiro player conseguir seu espaço, e isso a Microsoft já entendeu.

Sobrou para os egressos da antiga Nokia, hoje à frente da HMD Global Oy a missão de recuperar o prestígio da marca. A companhia hoje conta com Arto Nummela como CEO e Pekka Rantala como CMO, ambos engenheiros da antiga companhia finlandesa (o último atuou como CEO da Rovio por um tempo), entre outros que elegeram 2017 como o ano do retorno da Nokia à velha forma. Ou ao menos essa é a intenção.

A HMD vai desenvolver os novos aparelhos, a princípio majoritariamente smartphones (há planos para tablets também) enquanto a Foxconn, através da FIH Mobile será a encarregada da manufatura. Todos os novos gadgets rodarão Android, como era de se esperar. Os rumores mais recentes apontam que o suposto Nokia D1C, um smartphone intermediário com SoC Snapdragon 430, um octa-core com clock de 1,4 GHz; 3 GB de RAM, display Full HD de 5,5 polegadas, câmera principal de 16 megapixels e 16 ou 32 GB de memória seria o primeiro aparelho a ser lançado.

A Nokia já confirmou presença na edição 2017 da Mobile World Congress, a feira focada em dispositivos móveis que será realizada em Barcelona entre os dias 27 de fevereiro e 02 de março (espera-se que a Samsung também apresente o Galaxy S8 durante o evento), ainda que de forma modesta em um estande. Ainda assim é bom saber que ela está de volta e se os antigos engenheiros da companhia mantiverem o compromisso com o legado, poderemos ver novos e interessantes Androids no futuro.

Fonte: Mobile World Congress.

The post MWC 2017 marcará o retorno da Nokia ao mercado de smartphones appeared first on Meio Bit.

ver Meio Bit
#nougat
#smartphones
#tablets
#hmd
#nokia
#fih mobile
#finlândia
#hmd global oy
#mwc 2017