ISIS desceu baixo demais: estão usando estratégias de campeiros de BF4

Facebook
VKontakte
share_fav

isis-drone2

Ultimamente minha diversão noturna e dose diária de humildade tem sido sofrer na mão de garotos de 12 anos (não no sentido clerical, calma). Apanho de todas as formas no Battlefield 4, mas uma das mais humilhantes derrotas é quando estou escondido na neve, vejo um ponto no radar e os últimos 3 frames de minha vida são um drone kamikaze voando em minha direção. Boom, he ded. (não corrija, Laguna)

Eis que descubro que mais uma vez a vida imita a arte. Mês passado dois soldados curdos morreram e dois franceses ficaram feridos por causa de um drone kamikaze do ISIS. Eles preparam para explodir quando lançado contra um veículo ou fortificação, ou quando cair e alguém mexer, o que provavelmente foi o que aconteceu.

De certa forma lembra a estratégia dos balões japoneses, que atravessavam o Pacífico Norte para chegar aos EUA com cargas temporizadas de explosivos, mais de 3.000 foram lançados, mas só conseguiram matar uma família curiosa.

Drone explosivo do ISIS capturado em Mosul.

Drones do ISIS além do perigo de ataques suicidas fazem com que o inimigo se preocupe com eles, gaste munição e desvie recursos para derrubar e/ou desarmar/detonar os que encontra. São uma solução barata e criativa, comprovando mais uma vez que tecnologia em guerra é algo que se dissemina muito, muito rápido.

Para o bem ou para o mal tecnologia é uma… como mesmo a alegoria? Ah sim:

11012010008

No momento em que algo é criado, aquilo VAI ficar mais barato, mais gente vai imitar, aprimorar e usar contra quem criou. Toda vantagem tecnológica é temporária. Como aprendemos em Age of Empires, se você der tempo, o inimigo vai te alcançar e se der mole suas catapultas serão destroçadas por tanques.

Fonte: Popular Science.

The post ISIS desceu baixo demais: estão usando estratégias de campeiros de BF4 appeared first on Meio Bit.

ver Meio Bit
#mosul
#guerra
#drones