Pesquisa mostra que vendas de relógios inteligentes aumentaram 60%, contrariando notícias de queda

Facebook
VKontakte
share_fav
watchOS 3 rodando em Apple Watches

Em julho, a consultoria IDC noticiou que o mercado de relógios inteligentes registrou 32% de queda nas vendas. Já em outubro, ela afirmou que o número da queda foi de incríveis 70%, o que parecia mostrar que, realmente, “a moda de smartwatches” não tinha pegado.

Entretanto, contrariando todas essas notícias, a Canalys apresentou uma pesquisa que mostra um aumento nas vendas de relógios inteligentes e que muito dessa porcentagem tem a ver com a presença da Apple no mercado.

Com o recente lançamento do Apple Watches Series 1 e 2 no terceiro trimestre de 2016, só a Maçã conseguiu o feito de vender mais de 2,8 milhões de unidades. Ao comparar com o mesmo trimestre do ano passado (os primeiros três meses de vendas completas do Apple Watch de primeira geração), a Canalys registrou mais de 6 milhões unidades de smartwatches vendidas, resultando em um aumento de 60%.

Canalys relógios inteligentes pesquisa

Como pode ser visto no gráfico acima, a empresa que domina o mercado atualmente é a Apple (46%), seguida por Samsung (18%), Fitbit (17%), Garmin (3%) e Pebble (2%). Apesar de a IDC também ter registrado que a Maçã lidera o mercado, ela mostrava 41% e houve uma discrepância grande quanto às demais — em segundo lugar ficou a Garmin (21%), seguida por Samsung (14%), Lenovo e Pebble (com 3% cada). A IDC mostrou que estes dispositivos “não são para todos”, porém a Canalys prefere esperar o período de fim de ano para formar uma opinião.

Segundo Jason Low, analista da Canalys, o ritmo lento do iPhone foi um fator que afetou o interesse dos consumidores pelo Watch, citando que a Maçã precisa expandir a outros países, principalmente na China. Neste país o mercado conseguiu crescer 42%, mesmo com o atraso do lançamento do Android Gear 2.0 e do Gear S3; um grande aliado para este crescimento foi o primeiro vestível da Huami (parceira da Xiaomi), que lançou o relógio inteligente Amazfit com qualidade satisfatória e preços mais baixos (por volta de US$120).

Mesmo que a Canalys registre realmente um crescimento em vez de queda, é sabido que os vestíveis mais simples estão na frente nessa corrida. A pesquisa mostra que o mercado de pulseiras inteligentes conseguiu 18% de aumento, vendendo mais de 11 milhões de unidades até o terceiro trimestre de 2016.

O mercado de vestíveis no geral (relógios e pulseiras) conseguiu aumentar 31% e, definitivamente, nos mostra que a situação não é tão crítica quanto pensávamos. </div></div><div class=ver Mac Magazine

#smartwatch
#2016
#apple watch
#idc
#queda
#canalys
#relógios inteligentes