O informe dos advogados sobre o movimento secundarista do DF

Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Crise

Jornal GGN - Os Advogados e Advogadas Populares soltaram informe sobre a repressão às ocupações do Distrito Federal. No informe, descrevem as medidas tomadas pelo Ministério Público, Promotoria da Educação e Governo do Distrito Federal, que abriram mão do diálogo e lançaram mão das mais baixas ações contra os secundaristas. Um juiz da Vara da Infância e Juventude, Alex Costa de Oliveira, deu sua benção para que medidas de tortura física fossem tomadas contra os adolescentes e a lista não é bonita: ruído sonoro à noite para impedir o sono, corte de água, luz, gás, comida e incomunicabilidade.

Não bastasse, foi requerida a desocupação com uso da força policial em algumas escolas e tal medida foi endossada por mais um juiz. Os secundaristas estão cercados. A juíza Cristiana Torres Gonzaga, da 1º Vara da Fazenda Pública do Distrito Federal, negou o uso da força contra os adolescentes para solução do litígio, o que dá um certo alento.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#distrito federal
#secundaristas
#ocupação de escolas
#brasília
#escolas
#escola sem partido
#pec 55
#lei da mordaça