Um em cada cinco jovens na América Latina não estuda nem trabalha

Facebook
VKontakte
share_fav

A economia latino-americana viveu uma década de ouro, que incorporou milhões de pessoas à classe média, que passou de 21% da sociedade para 35%. Mas os jovens dessa região não se beneficiaram tanto quanto era esperado. Agora além do mais estão em uma situação muito vulnerável por causa da crise que enfrenta essa área do planeta com a queda do preço das matérias-primas. São 32 milhões de jovens latino-americanos entre 15 e 29 anos, um em cada cinco, que não estudam nem trabalham, de acordo com o relatório Perspectivas Econômicas da América Latina, da OCDE.

Seguir leyendo.

ver El País
#juventude
#jovens
#relações exteriores
#cúpula iberoamericana
#cúpulas internacionais