A Monarquia Italiana, por André Araújo

Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Europa

A Monarquia Italiana

Por André Araújo

A Itália aboliu a monarquia por um plebiscito em junho de 1946, por escassa margem de votos que os monarquistas, até hoje, atribuem à fraude perpetrada pelos políticos republicanos. Com a proclamação da Republica Italiana, que este ano completou 70 anos, o último Rei d´Italia, Umberto II, exilou-se em Lisboa, sendo proibido por si e sua descendência masculina de entrar em território italiano. O banimento foi abolido por emenda constitucional em 2002, Vittore Emmanuele e seu Emanuelle Feliberto voltaram e moram hoje na Itália.

Hoje o herdeiro presuntivo do trono é Emanuele Filiberto, único neto do último Rei, âncora e animador da RAI , especializado em reality shows. É filho de Vitorio Emmanuele, único filho homem do Rei Umberto II e da Rainha Maria José da Bélgica, tem três irmãs. Umberto II, assim que perdeu o trono, separou-se de Maria José, depois de complicado casamento.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#área do colunista