Política de preços da Petrobras tem de ser bem coordenada, diz especialista

Photo of Política de preços da Petrobras tem de ser bem coordenada, diz especialista
Facebook
VKontakte
share_fav

Categoria:

Petróleo e Gás
João Paulo Caldeira

Jornal GGN - Há duas semanas, a Petrobras anunciou uma nova política de preços praticadas nas refinarias do país, afirmando que irá seguir uma paridade com os valores praticados no mercado internacional e que fará reuniões mensais para definir os preços.

Com esta nova diretriz, o Grupo Executivo de Mercados e Preços indicou a redução do diesel em 2,7% e da gasolina em 3,2% nas refinarias. Entretanto, a diminuição dos preços não chegou para o consumidor final, sendo que a Agência Nacional do Petróleo (ANP) apontou aumento dos combustíveis nos postos em seu levantamento semanal.

A Federação Única dos Petroleiros (FUP), que representa os trabalhadores da Petrobras, criticou a medida, afirmando que ela foi uma “jogada ensaiada” entre a direção da estatal e a mídia. Para a FUP, a Petrobras volta a praticar uma política de paridade internacional ao mesmo tempo em que os preços do barril começam a subir. Além disso, a empresa não estabelece mecanismos de proteção ao consumidor.

leia mais

ver Blog do Luis Nassif
#luis nassif online
#destaque principal
#petróleo e gás
#sala
#venda de ativos
#joão paulo caldeira
#preços dos combustíveis