Primeiras impressões dos AirPods mostram que os fones não saem facilmente do ouvido e poderão se conectar a outros dispositivos que não da Apple

Photo of Primeiras impressões dos AirPods mostram que os fones não saem facilmente do ouvido e poderão se conectar a outros dispositivos que não da Apple
Facebook
VKontakte
share_fav
AirPods em cima de iPhone 7 jet black

Os rumores sobre a saída de 3,5mm dos iPhones foram certeiros (assim como a maioria dos palpites sobre o evento). Assim que apareceram boatos sobre os fones sem fio da Apple, os AirPods, houve muito fala daqui, fala de lá. Os mockups, por exemplo, mostravam um fone todo redesenhado; talvez por isso, alguns se decepcionaram quando fomos apresentados a basicamente o mesmo design dos EarPods, mas sem fio e com um “rabinho”. Mesmo já tendo sido oficialmente anunciados, algumas questões sobre eles apareceram e ainda flutuam sobre nossas cabeças.

Nós mal esperamos para poder trazer a vocês nossas próprias opiniões; mas, por enquanto, vamos confiar nos relatos de quem já testou (mesmo que brevemente) os AirPods, lá na área de hands-on do Bill Graham Civic Auditorium. Assim que colocarmos as nossas mãos neles, é claro, concluiremos se realmente o que falam procede.

Eis um vídeo rápido do The Verge:

Pareamento

Como vimos na keynote, os novos fones sem fio trazem um pareamento “mágico” com dispositivos Apple (com os sistemas mais recentes). Para isso, basta abrir o estojo de transporte (a “caixinha”) — que também serve como carregador para os fones — e o iPhone os reconhece automática e instantaneamente. Todos que já testaram esse pareamento dizem realmente funcionar e existem vários vídeos demonstrando isso.

Como este:

Mesmo que a Apple tenha “colocado uma pitada de mágica” e modificado o software para que o pareamento aconteça de maneira prática, tudo aponta que a tecnologia usada continua sendo a do Bluetooth, assim como todos os outros fones wireless do mercado. Por isso, alguns afirmaram que os fones funcionariam em outros aparelhos que não da Apple. Matthew Panzarino, do TechCrunch, explica como seria para pareá-los a outros dispositivos:

Você os emparelha apertando um botão localizado na traseira do estojo — o qual também pode ser usado para “resetar” todas as conexões.

Funcionamento

Logo depois da keynote de quarta-feira, muitos jornalistas tiveram acesso aos lançamentos da Apple em um espaço separado somente para isso. Exatamente pela quantidade de pessoas, a maioria dos que testaram os AirPods alegaram que não foi possível avaliar exatamente o que a Apple chama de “um áudio AAC rico e de alta qualidade”. Mesmo assim, alguns disseram que funcionou muito bem e que o som é ótimo. Por exemplo, a Christina Warren do Gizmodo conta como ficou impressionada com o que experimentou:

Os AirPods não têm cancelamento de ruído, mas na minha breve experiência em um local movimentado, eles fizeram um bom trabalho em bloquear o som ao redor. E o microfone é ajustado de modo que, quando você estiver falando, ele filtra o ruído exterior e ouve apenas a sua voz. Eu não tive dificuldade em falar com a Siri, mesmo em meio a uma multidão.

Para chamar a Siri, é simples: basta tocar duas vezes no fone e dizer a ela o que você quer — como aumentar ou diminuir volume, pausar uma reprodução ou qualquer outra pergunta que normalmente fazemos à assistente. Mesmo que eu ainda não tenha testado (quem me dera), consigo imaginar que conversar com a Siri em público somente para pedir que aumente ou diminua o volume não me parece uma solução tão prática — espero realmente que habilitem alguns outros “toques” para que possamos fazer isso sem muito alarde.

Os fones também têm sensores que detectam seu canal auditivo, então somente começarão a reproduzir música uma vez que você os coloca no ouvido — sim, mesmo que você dê play no iPhone, ele não reproduzirá nada. O que provavelmente será ótimo para a bateria tanto dos fones quanto do iPhone.

Será que cai?

Uma das mais recorrentes dúvidas sobre os novos fones sem fio é se eles não vão facilmente cair dos ouvidos do usuário. Olhando para o preço, precisamos confiar que a Apple tenha pensado nisso e arrumado uma maneira para que eles permaneçam firmes em nossos ouvidos. Muito, muito felizmente, os testes nos têm mostrado que realmente eles “aguentam o tranco” mesmo com corridas, saltos, pulos, etc. O relato de Susie Ochs, da Macworld, é taxativo sobre isso:

Eu não só dancei como também “bati cabeça”. Eu sacudi minha cabeça de um lado para o outro, joguei meu cabelo, simulei uma corrida — e pareci uma boba fazendo isso. Os AirPods permaneceram firmes e alto. A música (da Sia, claro) soou plena e exuberante e eu não ouvi uma palavra sequer das pessoas que conversavam perto de mim; era como se eu estivesse completamente selada em uma bolha de rock and roll. Bastante impressionante.

Para quem ainda não acredita, temos ibagens também em um curto vídeo que a Natalie DiBlasio, do USA Today, publicou em sua conta do Twitter.

Beleza, os AirPods da Apple estão dentro do ouvido! Vamos ver como eles se saem com alguns pulos e sacudidas. #AppleEvent

Ainda há incerteza sobre como os fones se sairão com diversos tamanhos de orelhas mas, para isso, precisaremos ficar atentos aos relatos e reviews que certamente surgirão pelas interwebs assim que eles forem oficialmente lançados no fim de outubro.

E se eles forem roubados ou eu os perder?

AirPods na caixinha

Em uma matéria, Dave Smith do Business Insider levantou esta pergunta. Ele mesmo a respondeu, parecendo deveras decepcionado:

A Apple diz que, se os AirPods são perdidos ou roubados, você terá que comprar novos, assim como qualquer outro produto da Apple. Não há medidas anti-roubo em vigor para proteger os seus brilhantes fones de ouvido sem fio.

Contrapondo essas palavras, John Gruber ironicamente sugere no Daring Fireball que nenhuma das outras empresas que fabricam fones sem fio faz isso.

A pesquisa do Google deve estar quebrada. Estou tentando achar outras matérias do Business Insider sobre o que acontece quando um fone de US$300 da Bose/Beats/Sennheiser/Etymotic é perdido ou roubado e eu não estou achando nada.

Felizmente, há indícios de que a Apple venderá os AirPods individualmente nesses casos, também — ou seja, você não será obrigado a comprar o par se perder/quebrar apenas um deles.

· · ·

Apesar de eu realmente considerar que pedaços de fones soltos seriam — *por mim* — facilmente perdidos, pelo menos temos o estojinho que o acompanha — e concordo com o TechCrunch quando sugere que ele se parece muito uma caixa de fio-dental (

ver Mac Magazine