Bolsonaro fez 50 lives no Facebook em 2019; Jorge Seif foi quem mais participou

Facebook
VKontakte
share_fav

O presidente Jair Bolsonaro realizou 50 lives no Facebook em 2019 para anunciar ou justificar medidas do seu governo, além de comentar outros assuntos. Destas, 42 transmissões foram às quintas-feiras e outras 8 em dias e horários aleatórios.

O 1º pronunciamento do chefe do Executivo na rede social foi em 7 de março, quando anunciou que falaria ao vivo todas as quintas-feiras, às 19h (horário de Brasília). A última foi em 26 de dezembro, quando aproveitou para rebater críticas à criação do juiz de garantias, estabelecida em texto do pacote anticrime, sancionado em 24 de dezembro.

O Poder360 analisou as transmissões realizadas na de Bolsonaro desde quando o militar assumiu a Presidência da República.

No total, Bolsonaro falou por 25 horas aos seus seguidores por meio das lives, que tiveram, em média, 30 minutos cada.

O chefe do Executivo falou sozinho em 9 transmissões. Mas, em todas, esteve acompanhado por 1 intérprete de libras. Na maioria das vezes, a interpretação em sinais foi realizada por Elisângela Castelo Branco.

Participaram das transmissões 62 pessoas, entre ministros (19), autoridades (18), congressistas (9), especialistas (3), indígenas (9), além do empresário Luciano Hang, do fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus, Valdemiro Santiago, e do mestre em jiu-jitsu Renzo Gracie.

A primeira-dama Michelle Bolsonaro apareceu de surpresa em uma live, em 28 de novembro, quando presenteou o presidente com 1 buquê de rosas. “Doze anos de casado e parece que foi ontem”, disse Bolsonaro na ocasião. “Continua a mesma coisa? Cada vez melhor, né? A família não tem preço”, completou.

O Poder360 preparou 1 infográfico sobre as principais formas e sinalizações de comunicação que o presidente Jair Bolsonaro faz à população:

O secretário de Aquicultura e Pesca do Ministério da Agricultura, Jorge Seif, foi o que mais esteve presente nas transmissões de Bolsonaro: apareceu em 9 lives. O 2º do ranking é o ministro general Augusto Heleno (GSI), presente em 7 ocasiões.

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e o presidente da Embratur, Gilson Machado, participaram 6 vezes cada. O ranking segue com o presidente da Caixa, Pedro Guimarães (5 transmissões); o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e o porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros (4 transmissões cada).

O presidente Jair Bolsonaro e Jorge Seif, secretário de Aquicultura e Pesca do Ministério da Agricultura, durante live no Facebook. Seif participou de 9 transmissões ao vivo Isac Nóbrega/PR – 4.jul.2019

Somente uma vez o, em 24 de outubro de 2019. No dia, Bolsonaro estava na China, 11 horas à frente do horário de Brasília. Às 19h daquele dia em Brasília, eram 6 horas da manhã em Pequim.

Nas lives, Bolsonaro utiliza de 1 papel para relembrar os principais assuntos que devem ser abordados no dia e faz perguntas às autoridades ou outras personalidades convidadas. Os locais são sempre de acordo com a agenda do presidente.

O presidente fala nas transmissões sempre em tom mais informal e costuma comemorar resultados positivos da área econômica e comentar medidas anunciadas pelo governo naquela semana. Também rebate reportagens críticas a ele ou ao seu governo e faz críticas à esquerda –especialmente ao PT.

Em uma das ocasiões, usou a live para pedir aos usuários que seguissem a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, no Instagram.

O presidente Jair Bolsonaro pediu a internautas, em 25 de julho de 2019, para seguirem o perfil da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, no Instagram para que possa ter 1 “jantar melhorado”. Ao seu lado, estava o ministro da Secretaria Geral da Presidência, Jorge Antonio de Oliveira Francisco Marcos Corrêa/PR – 27.jul.2019

Entre as 8 vezes em que o presidente fez transmissões ao vivo em horários e dias aleatórios (em vez da tradicional 5ª feira), em destaque está o dia em que o presidente foi ao ar às 21h50 (horário de Brasília) e às 3h50 no horário da Arábia Saudita, onde cumpria compromissos oficiais.

Na ocasião, o presidente rebateu as informações de reportagem do Jornal Nacional que relacionou seu nome à investigação do assassinato da vereadora Marielle Franco, do Psol.

Assista (23min41seg.):

Também em 29 de julho, o presidente fez live enquanto cortava o cabelo. Na ocasião, disse que o pai do presidente da OAB (Ordem do Advogados do Brasil), Felipe Santa Cruz, “integrava o grupo mais sanguinário que tinha” no período militar, a Ação Popular –organização política de esquerda extraparlamentar criada por militantes estudantis que eram contra o regime militar.

Assista (12min40s):

Eis algumas fotos das transmissões feitas por Bolsonaro ao longo do ano:

Com 1 aspecto de improviso, diversas vezes as lives do militar iniciaram sem que ele tivesse percebido.

Assista alguns dos momentos (2min26s):

Assista às transmissões do presidente no canal do YouTube do Poder360.

PRONUNCIAMENTOS EM RÁDIO E TV

Bolsonaro é o presidente que mais buscou mecanismos de falar diretamente à população brasileira em seu 1º ano de mandato desde a redemocratização do país, em 1985.

Levando em conta os pronunciamentos em rede nacional de rádio e televisão nos 12 meses de governo, Bolsonaro se iguala ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Ambos falaram 5 vezes à nação (lembrando que FHC não tinha ao seu alcance ferramentas para fazer lives e interagir diretamente com os cidadãos).

O último pronunciamento de Bolsonaro em rádio e TV foi em 24 de dezembro, ao lado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro. Na mensagem, o chefe do Executivo afirmou que o governo encerrou o ano de 2019 sem denúncia de corrupção. No entanto, ministros e o filho mais velho do presidente, o senador Flavio Bolsonaro (sem partido-RJ), são alvos de acusações de irregularidades.

Assista (2min51s):

VISITAS AO CONGRESSO

Em busca de 1 clima amistoso com o Congresso, Bolsonaro visitou a sede do Poder Legislativo em 8 ocasiões desde que assumiu a Presidência.

Eis os dias e detalhes das visitas:

  • 1º.jan: posse no Congresso;
  • 20.fev: entrega do projeto da reforma da Previdência;
  • 20.mar: entrega da reforma da Previdência dos militares;
  • 29.mai: homenagem ao comediante Carlos Alberto da Nóbrega;
  • 4.jun: entrega do projeto de lei que dobra o limite de pontos em infrações na CNH (Carteira Nacional de Habilitação);
  • 10.jul: participou de culto da bancada evangélica e discursou no plenário da Câmara;
  • 15.jul: participou de sessão solene em homenagem ao Aniversário do Comando de Operações Especiais do Exército Brasileiro;
  • 5.nov: entregou 1 pacote de medidas econômicas que promete alterar a estrutura fiscal e orçamentária da União, e ainda mudar o pacto federativo.
ver Blog do Fernando Rodrigues
#mídia
#transmissão ao vivo
#pronunciamento
#governo
#congresso nacional
#wagner rosário
#sérgio moro
#facebook
#jair bolsonaro
#abraham weintraub
#augusto heleno
#michelle bolsonaro
#luciano hang
#andré mendonça
#tarcísio gomes de freitas
#bento albuquerque
#major vitor hugo
#otávio rêgo barros
#helio lopes
#nabhan garcia
#soraya thronicke
#jorge seif
#lives no facebook
#jorge antonio de oliveira